Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10676
Título: O ENGAJAMENTO POLÍTICO CULTURAL DE NIETZSCHE EM SUAS REFLEXÕES SOBRE A ARTE
Autor(es): BARCELOS, E.
Orientador: VIESENTEINER, Jorge. L.
Data do documento: 28-Ago-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: BARCELOS, E., O ENGAJAMENTO POLÍTICO CULTURAL DE NIETZSCHE EM SUAS REFLEXÕES SOBRE A ARTE
Resumo: A presente pesquisa pretende abordar como Nietzsche foi um pensador extremamente engajado com as questões culturais de sua época em suas reflexões sobre a arte. Tomando como pano de fundo, a ideia de um Nietzsche que através da filosofia e pela arte, faz uma crítica à cultura, em última instância, o que defenderemos nessa pesquisa é um conceito de engajamento que está ancorado nas reflexões de Nietzsche sobre a arte, mas que, no entanto, indicam que ele não tinha apenas uma preocupação puramente estética, mas, sim político cultural. Esta hipótese de engajamento político cultural será demonstrada através dos conceitos de Bildung e de música popular nos escritos do primeiro Nietzsche. Findando nosso trabalho o texto O Caso Wagner será analisado político culturalmente como crítica ao projeto da modernidade, trabalhando conceitos como décadence, niilismo, arte decadente, indústria cultural e grande política; sedimentando a ideia geral de um Nietzsche engajado político culturalmente. Palavras chaves: Engajamento político-cultural. Arte. Extemporaneidade. Crítica. Modernidade. Niilismo. Décadence. Grande política.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10676
Aparece nas coleções:PPGFIL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12413_VERSÃO FINAL.pdf1.01 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.