Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10933
Title: A (RE)SIGNIFICAÇÃO DO ERRO NO ENSINO DE QUÍMICA ORGÂNICA NUMA PERSPECTIVA CONSTRUTIVISTA
metadata.dcterms.creator: CARRIJO, A. R. D.
metadata.dcterms.issued: 25-Feb-2019
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
metadata.dcterms.abstract: Tradicionalmente nas escolas, o erro tem sido fonte de condenação, castigo e punição, fato que pode ser traduzido como ignorância a respeito do caráter interpretativo dos processos de desenvolvimento da inteligência do aluno e dos seus níveis de estruturação. Contudo, sob a perspectiva construtivista piagetiana, o erro, no cenário educativo, é transformado em um valioso instrumento pedagógico para a compreensão da aprendizagem dos alunos, usado para indicar o estágio em que o aluno se encontra e, consequentemente, possibilitar a tomada de decisões para as atividades subsequentes. No intuito de ressignificar o erro construtivo no ensino de Química, elaborou-se um estudo sobre o erro cometido pelo aluno durante o processo de construção de conhecimentos em Química Orgânica. Nessa perspectiva, destaca-se a importância dos educadores assumirem em seu cotidiano a conduta de observar e tornar os erros observáveis pelo próprio aluno, não pelo simples apontamento, mas através de um trabalho de direcionamento e encorajamento das tentativas dos alunos em busca de uma legítima reflexão, e consequente regulação do que fora construído, para que esse aluno alcance níveis de desenvolvimentos cada vez maiores de inteligência. Palavras-chave: Erro. Construtivismo. Ensino de Química. Química Orgânica.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10933
Appears in Collections:PPGEEB – Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_12989_95 - ANA REGINA.pdf1.69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.