Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11164
Title: Extração de elementos traço da água do mar por coprecipitação e determinação por ICP-MS
metadata.dcterms.creator: CONCEICAO, V. N.
metadata.dcterms.subject: água do mar;elementos traço;coprecipitação;ICP-MS
metadata.dcterms.issued: 29-Mar-2019
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
metadata.dcterms.abstract: A qualidade dos oceanos tem sido alterada constantemente em diferentes escalas, em consequência de fatores naturais e principalmente antrópicos. As atividades industriais, de mineração e agropecuária têm contribuído significativamente para o aumento da concentração de elementos traço em ambientes marinhos, impactando diretamente em seu ecossistema e na saúde pública. Diante do exposto, a determinação e o monitoramento de elementos traço na água do mar é de grande importância. A espectrometria de massas com plasma indutivamente acoplado (ICP-MS) é muito utilizada para a determinação de elementos traço em água do mar, no entanto, há um grande desafio, pois, a matriz salina é considerada complexa, causando inúmeras interferências espectrais e não-espectrais. Desse modo, torna-se necessário o estudo de metodologias de extração de elementos traço nessa matriz. Nesse sentido, o presente trabalho visou, inicialmente, a determinação de As, Cr, Cu, Mn e Pb em água do mar por ICP-MS, no modo padrão (sem célula de reação e colisão), após a precipitação do íon Mg2+ presente na água do mar com amônia, formando Mg(OH)2, e a coprecipitação de alguns elementos traço. Ferramentas estatísticas multivariadas, como o planejamento composto central, a função de desejabilidade e a metodologia de superfície de resposta foram utilizadas para otimizar o procedimento de coprecipitação. Os valores ótimos obtidos para 45 mL de amostra, foram 1200 μL de amônia aquosa concentrada, 30 minutos de tempo de centrifugação e 400 μL de ácido nítrico concentrado. Posterior à otimização, foram realizados testes da extração por coprecipitação para outros elementos traço, os quais resultaram uma boa performance para Co, assim, o elemento foi incluído nos estudos seguintes. O procedimento obtido apresentou baixos limites de detecção na amostra (0,02 a 3,71 ng L-1), uma vez que foram obtidos bons fatores de pré-concentração. Boa exatidão do método foi alcançada verificada pela análise de material de referência certificado Trace Metals 1 na água do mar e o percentual de recuperação (60,5 a 105,8 %) foram avaliados. Assim, o procedimento proposto pode ser considerado uma boa estratégia para a determinação de As, Co, Cr, Cu, Mn e Pb na água do mar por ICP-MS, devido à sua simplicidade e baixo custo, além da boa sensibilidade e precisão alcançada.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11164
Appears in Collections:PPGQUI - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_13277_Dissertação de mestrado - Vitor Nunes.pdf1.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.