Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11312
Título: Memórias de um Economista: Schacht e a Alemanha nos Anos 1920
Autor(es): SARTORIO, S. G. P.
Orientador: ARTHMAR, R
Palavras-chave: Guerra
Tratado de Versalhes
Alemanha
Hjalmar Schacht
Data do documento: 9-Mai-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SARTORIO, S. G. P., Memórias de um Economista: Schacht e a Alemanha nos Anos 1920
Resumo: Esta dissertação versa sobre a Alemanha nos anos 1920. Inicialmente será apresentado o teatro de operações da Primeira Guerra Mundial (1914-1918), mencionando as perdas humanas e materiais e enfatizando algumas das principais batalhas que compuseram este grande conflito, como as batalhas de Marne e Somme. Após, dado o fim da primeira guerra, mostrar-se-á a nova reorganização territorial da Europa, com a desintegração de impérios e o surgimento de novos países. Em seguida, discute-se sobre as reparações de guerra, bem como os imensos obstáculos no caminho para a plena restauração da ordem econômica mundial. Adiante, são colocadas as percepções e memórias do economista alemão, Hjalmar Schacht, a respeito do período em questão. Schacht foi secretário da moeda, presidente do Reichsbank e ministro da economia no período entreguerras, e por ocupar tais posições, se auto intitulava o guardião da moeda alemã, o que exigiu dele mais que controlar a política monetária, mas também lutar intransigentemente pelo fim das reparações de guerra.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11312
Aparece nas coleções:PPGECO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_11279_Dissertação Sarah Sartório_versão final (08-07-19).pdf940.33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.