Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4480
Título: Avaliação da expressão JMJD1A como marcador molecular de prognóstico em pacientes com carcinoma epidermóide oral e de orofaringe
Autor(es): Maia, Lucas de Lima
Orientador: Conforti, Adriana Madeira Álvares da Silva
Coorientador: Louro, Iúri Drumond
Data do documento: 21-Fev-2014
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: MAIA, Lucas de Lima. Avaliação da expressão JMJD1A como marcador molecular de prognóstico em pacientes com carcinoma epidermóide oral e de orofaringe. 52 f. 2014. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia) - Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Universidade Federal do Espírito Santo, 2014.
Resumo: Câncer escamoso de cabeça e pescoço (CECP) é o sexto tipo de tumor mais comum no mundo. Surgem aproximadamente 600.000 novos casos e 300.000 mortes ocorrem no mundo anualmente. A proteína JMJD1A é uma desmetilase de histona tendo um importante papel na regulação epigenética do DNA e está relacionada ao desenvolvimento e prognóstico de diversos tipos de tumores. O objetivo do trabalho foi associar a expressão da proteína JMJD1A com características clinicopatologicas, prognósticas e a sobrevida de pacientes com câncer de cabeça e pescoço. A análise foi realizada por meio da avaliação de lâmina de tissue microarray corada pela técnica de imuno-histoquímica. A análise foi feita pela avaliação positiva ou negativa da proteína, com nível fraco ou forte desta expressão nos casos em que a proteína estava presente. A expressão da proteína foi diferencialmente significante nas localizações núcleo e citoplasma. A expressão nuclear e citoplasmática mostrou relação com a presença de linfonodos acometidos e a expressão citoplasmática mostrou relação com o infiltrado inflamatório e tamanho do tumor. Na análise multivariada, os linfonodos mostraram relação com a expressão da proteína no núcleo e no citoplasma, mas também mostraram associação com o tamanho do tumor. O nível da expressão da proteína no núcleo mostrou significância com a recidiva geral. Na análise multivariada a recidiva geral e o óbito tiveram relação com o nível da expressão da proteína no núcleo. Além disso, o óbito mostrou associação com o estadiamento do tumor. A sobrevida doença específica teve relação com o nível da expressão no núcleo e com o estadiamento tumoral. Dessa forma, podemos sugerir a utilização da proteína JMJD1A como marcador de prognóstico para pacientes com carcinoma de cabeça e pescoço. No entanto, estudos com populações maiores devem ser feitos em câncer de cabeça e pescoço e em outros tipos de tumor, para validação e utilização na rotina clínica.
Squamous cell cancer of the head and neck (HNSCC) is the sixth most common cancer in the world. There are approximately 600,000 new cases and 300,000 deaths occur worldwide each year. The JMJD1A protein is a histone demethylase having an important role in the epigenetic regulation of DNA, it has been associated with the development and prognosis of various types of tumors. The objective was to associate the expression of JMJD1A protein with clinicopathological characteristics, prognostic and survival of patients with head and neck cancer. The analysis was performed through the evaluation of tissue microarray slide stained by immunohistochemical technique. The analysis was performed by positive or negative evaluation of the protein with strong or weak level of this expression where the protein was present. Analysis of the expression of the protein JMJD1A was performed by evaluating the expression of the protein in the nucleus and cytoplasm.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4480
Aparece nas coleções:PPGBIO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_7412_Dissertação_Lucas Maia.pdf1.71 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.