Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6972
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorHenriques, Rafael Paes-
dc.date.accessioned2018-04-18T15:59:01Z-
dc.date.available2018-04-20T06:00:10Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier.issn2177-2967-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/6972-
dc.description.abstractA partir da crítica à metafísica operada por Nietzsche no final do século XIX, faremos um contraponto à epistemologia e à lógica tradicionais, e apresentaremos a perspectiva de que a realidade não é o somatório ou conjunto de coisas em si mesmas ideais e anteriores à toda experiência. Essa compreensão traz consequências também para a relação sujeito e objeto: se o mundo se organiza dessa maneira, não há, de um lado, um sujeito fadado a conhecer e, de outro, o objeto que oferece a sua “mesmidade” para ser revelada. Conhecer é ser tomado por uma possibilidade cuja origem é da ordem da transcendência. Nesse horizonte, analisaremos brevemente algumas questões epistemológicas da física quântica.pt_BR
dc.format.mediumtexten
dc.language.isoporen
dc.rightsopen accessen
dc.sourceRevista Estudos Filosóficos, São João del-Rei, n. 8, p. 1-17, 2012pt_BR
dc.subjectNietzschept_BR
dc.subjectMetafísicapt_BR
dc.subjectConhecimentopt_BR
dc.subjectLinguagempt_BR
dc.subjectExperiênciapt_BR
dc.titleFísica quântica, linguagem e crítica à metafísicapt_BR
dc.typearticleen
Appears in Collections:DCS - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2214-7524-1-SM.pdf162.12 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons