Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6976
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorHenriques, Rafael da Silva Paes-
dc.date.accessioned2018-05-15T15:37:42Z-
dc.date.available2018-05-17T06:00:07Z-
dc.date.issued2010-
dc.identifier.issn2177-7888-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/6976-
dc.description.abstractPassado o calor dos primeiros momentos, queremos discutir, à luz de algumas contribuições de pesquisadores do Jornalismo, a questão da obrigatoriedade do diploma. Mas vamos cumprir a tarefa a partir do que realmente interessa: a atividade é uma forma particular de produção do conhecimento? Apresentamos e avaliamos criticamente o trabalho de Robert Park e de Adelmo Genro Filho. Concluimos que o Jornalismo não é uma ciência, mas nem por isso deixa de realizar uma operação que dá sentido ao real, na medida em que seleciona, interpreta e ordena os fatos classificados como de interesse jornalístico. Dessa maneira, alguma formação específica que dê conta de analisar, pormenorizadamente, essa operação particular de seleção e tratamento do real pode ser fundamental para o exercício da atividade de maneira mais autônoma e emancipadora.pt_BR
dc.format.mediumtexten
dc.language.isoporen
dc.rightsopen accessen
dc.sourceAnais do XV Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sudeste, 13 a 15 de maio de 2010, Vitória, ES. Disponível em: http://www.intercom.org.br/papers/regionais/sudeste2010/resumos/R19-0517-1.pdfpt_BR
dc.subjectEpistemologiapt_BR
dc.subjectJornalismopt_BR
dc.subjectConhecimentopt_BR
dc.subjectRobert Parkpt_BR
dc.titleRobert Park, Genro Filho e a questão do diploma em Jornalismopt_BR
dc.typeeventArticleen
Appears in Collections:DCS - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
R19-0517-1.pdf239.53 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons