Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7123
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorGomes, Daniel Claudio de Oliveira-
dc.date.accessioned2018-08-01T21:35:04Z-
dc.date.available2018-08-01-
dc.date.available2018-08-01T21:35:04Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/7123-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.titleUso de adjuvantes (CAF 09, CAF 01 E MPL) mucosa-compatíveis na formulação de vacinas contra a leishmaniose viceralpor
dc.typemasterThesiseng
dc.subject.udc61-
dc.subject.br-rjbnLeishmaniose visceral - Tratamentopor
dc.subject.br-rjbnLeishmaniose visceral - Vacinaçãopor
dcterms.abstractA leishmaniose visceral é umas das doenças infecto-parasitária endêmica em diversos países dentre deles o Brasil, que atinge os seres humanos e outros vertebrados. Seu tratamento é feito com fármacos específicos (pentavelentes antimonais, anfoterecina B, pentamidinas e miltefosina) de alta toxicidade, causando efeitos colaterais nos pacientes, sendo assim é necessária um busca por alternativas para controlar a doença. Nesse contexto, as vacinas de mucosa tem sido promissoras devido à sua especificidade na ativação do sistema imunológico associado ao baixo custo e simples administração. A vacinação por via mucosa contra leishmaniose visceral, proposto por este estudo, utiliza uma vacina composta por antígenos totais de L. amazonensis (LaAg) em associação com adjuvantes, como CAF01, CAF09 e MPL, os quais são eficazes em gerar uma forte resposta imunológica mediante ao estimulo de TLR1, 2, 4 e/ou TLR9. Nesse contexto, avaliamos os efeitos imunogênicos e protetores da administração intranasal de nossa vacina em camundongos BALB/c desafiados por L. infantum chagasi. Nossos resultados mostraram uma resposta promissora da vacina em conjunto com dois adjuvantes, CAF01 e MPL, levando a uma diminuição da carga parasitaria 60 veze menos no caso do baço e 30 vezes menos no fígado dos animais, assim como um aumento na expressão de óxido nítrico (80µM) baço e (150 µM ) fígado e também a presença de citocinas inflamatórias ex-vivo IL-4 e IFN-γ. Observamos também um aumento na linfoproliferação de células CD8+ em cultura de esplenócitos. Dessa forma, podemos determinar a efetividade de nossa vacina de estudo de base em camundongos BALB/c, podendo, a partir de próximos estudos.por
dcterms.abstractVisceral leishmaniasis is one of the endemic infectious-parasitic diseases in several countries, including Brazil, which affects humans and other vertebrates. Its treatment is made with specific drugs (pentavelentes antimonais, amphotericin B, pentamidines and miltefosina) of high toxicity, causing side effects in the patients, being thus a search for alternatives to control the disease is necessary. In this context, mucosal vaccines have been promising because of their specificity in the activation of the immune system associated with low cost and simple administration. The mucosal vaccination against visceral leishmaniasis, proposed by this study, uses a vaccine composed of total antigens of L. amazonensis (LaAg) in combination with adjuvants, such as CAF01, CAF09 and MPL, which are effective in generating a strong immune response by stimulating TLR1, 2, 4 and / or TLR 9. In this context, we evaluated the immunogenic and protective effects of intranasal administration of our vaccine in BALB / c mice challenged by L. infantum chagasi. Our results showed a promising response of the vaccine together with two adjuvants, CAF01 and MPL, leading to a decrease in the parasite load 60-fold and less in the case of the spleen and 30-fold less in the liver of the animals, as well as an increase in the expression of nitric oxide (80 μM) spleen and (150 μM) liver and also the presence of inflammatory cytokines ex-vivo IL-4 and IFN-γ. We also observed an increase in lymphoproliferation of CD8 + cells in splenocyte culture. Thus, we can determine the effectiveness of our base study vaccine in BALB / c mice.eng
dcterms.creatorCorea, Andrés Felipe Méndez-
dcterms.formattexteng
dcterms.issued2018-03-29-
dcterms.languageporeng
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Biotecnologiapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqBiotecnologiapor
dc.publisher.courseMestrado em Biotecnologiapor
dc.contributor.refereeGuedes, Herbert Leonel de Matos-
dc.contributor.refereeGuimarães, Marco Cesar Cunegundes-
Aparece nas coleções:PPGBIO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12335_Dissertação_Andrés Mendez.pdf1.21 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.