Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8336
Título: Aplicação do índice de pacientes transfundidos e do índice de utilização de concentrado de hemácias no serviço de hemoterapia do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes, como ferramenta para melhoria das práticas hemoterápicas transfusionais
Autor(es): Marcondes, Sibia Soraya
Orientador: Carraretto, Antônio Roberto
Data do documento: 6-Abr-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: MARCONDES, Sibia Soraya. Aplicação do índice de pacientes transfundidos e do índice de utilização de concentrado de hemácias no serviço de hemoterapia do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes, como ferramenta para melhoria das práticas hemoterápicas transfusionais. 2017. 94 f. Dissertação (Mestrado em Medicina) - Programa de Pós-Graduação em Medicina, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2017.
Resumo: Introdução: Estudos demonstram que cerca de 30-60% das unidades de sangue preparadas para transfusão não são transfundidas. Os hemocomponentes (HC) preparados e não transfundidos propiciam maior consumo de reagentes e recursos humanos. Reduzir o preparo de HC para reserva cirúrgica é uma área de oportunidade para minimizar custos e otimizar o uso racional de HC. Objetivos: a)identificar o perfil de solicitação e utilização de HC para cirurgias eletivas e a influência de variáveis demográficas, clínicas, laboratoriais e o tempo de cirurgia no número de transfusões; b) construir a Escala de Requisição Máxima de Sangue para Cirurgias (ERMSC) eletivas do Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (HUCAM); c) demonstrar o custo de reagentes para reserva pré-operatória e a possibilidade de economia. Métodos: Estudo observacional, prospectivo, realizado no período de 01/02/2015 a 31/01/2016, no HUCAM. Foram levantados dados sociodemográficos e clínicos (sexo, idade, diagnóstico, tipo de cirurgia) e dados quantitativos de solicitação e utilização de concentrado de hemácias (CH) das cirurgias eletivas neste período. Foi elaborado a ERMSC com os dados de utilização do sangue do HUCAM e calculado o custo do padrão de solicitação de CH e possível economia com o uso das ERMSC. Resultados: Foram avaliadas 822 cirurgias com necessidade de reserva de HC. A média de idade foi de 55,1 anos (95% IC 54,1; 56,2). A mediana de CH solicitado foi 3 unidades (0-8). A mediana de solicitação de reserva de plaquetas foi 0, exceto para as cirurgias cardíacas (8 unidades (0-10)). A mediana de solicitação de plasma fresco congelado foi 3 unidades (0-10). Foram transfundidos 135 pacientes (16,4%). As cirurgias cardíacas transfundiram 50%, seguidas do aparelho digestivo (25%), vasculares (16,5%), ginecologia (11%), urologia (9,5%) e torácica (8,1%). Os fatores que influenciaram a transfusão foram: idade (OR 1.025, 95% IC 1.006, 1.045), tempo de cirurgia (OR 1.004, 95% IC 1.001, 1.006) e as cirurgias cardíacas (OR 7,83 95% IC 1.58, 38.74). Dos 51 tipos de cirurgias avaliadas 22 apresentaram Índice de pacientes transfundidos (IPT) >10% e 29 IPT<10%, sendo elaborada a ERMSC. A cirurgia cardíaca apresenta o maior custo de solicitação de CH (mediana: R$ 49,73; min 35,5 máx 77,89), a ginecologia o menor custo (mediana R$ 35,65; min 28,61 máx 49,73) p<0,01. Ao adotar qualquer metodologia de ERMSC proporcionaria uma economia financeira de 17% a 37%. Conclusão: A mediana de solicitação de CH,foi menor para a ginecologia e maior para a cirurgia cardíaca. A maioria das cirurgias não utilizaram os HC solicitados. Idade, tempo de cirurgia e cirurgia cardíaca aumentaram a chance de utilização de CH. Todas as especialidades poderiam economizar com os custos de solicitação de CH e as cirurgias cardíacas apresentariam maior possibilidade de economia.
Introduction: Studies show that about 30-60% of blood units prepared for transfusion are not transfused. Prepared and non-transfused blood products (BPs) cause greater reagent consumption and the demand of human ressources. Reducing the preparation of blood products is a good way to minimize the costs and optimize their rational use. Objectives: a) Identify the request profile and utilization of BPs in the elective surgeries and the impact of the demographic, clinic and laboratory variables and surgery time in the number of transfusions; b) Develop a Maximum Surgical Blood Order Schedule (MSBOS) in the Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (HUCAM); c) Demonstrate the reagents costs for the pre-surgery reservation and the possibility of savings. Methods: Observational Study, carried out in the period from 01/02/2015 to 31/01/2016 at the teaching hospital HUCAM. During this period, clinic, sociodemographic (gender, age, diagnosis, type of surgery) and quantitative data (regarding the number of request and utilization of red blood cells (RBC) in the electives surgeries) were collected. Using the blood consumption rate it was possible to create a MSBOS and calculate the standard costs for the RBC request and the possible savings using the MSBOS. Results: 822 procedures with PRC demand were evaluated. The average age was 55,1 years (95% IC 54,1; 56,2). The median of PRC was a total of 3 units (0-8). The median of platelets reservation was zero, except in the cardio surgeries (8 units (0-10)). The median of fresh-frozen plasma request was 3 units (0-10). 135 patients were transfused (16,4%). The transfusion rate in the cardio surgeries was 50%, followed by gastrointestinal surgery (25%), vascular (16,5%), gynaecological (11%), urology (9,5%) and thoracic (8,1%). The factors which affected the transfusion were: age (OR 1.025, 95% IC 1.006, 1.045), surgery time (OR 1.004, 95% IC 1.001, 1.006) and the cardio surgeries (OR 7,83 95% IC 1.58, 38.74). Among the 51 types of evaluated surgeries, 22 presented an index of transfused patients (ITP)> 10% and 29 ITP <10%, and the MSBOS was developed. Cardio surgery has the most significant PRC request cost (median: R$ 49,73; min 35,5 – max 77,89), ginecologiy the lowest (median: R$ 35,65; min 28,61 – max 49,73) p<0,01. When apllying any MSBOS methodology the savings are about 17% - 37%. Conclusion: The median of RBC request was lower for gynecology and greater for cardio surgery. Most surgeries did not use the requested PRCs. Factors such as age, surgery time and cardio surgery increased the chance of RBC use. All the specialties could save with the costs of requesting RBC and the possibility of saving is greater in the cardio surgeries.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8336
Aparece nas coleções:PPGMED - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10781_DISSERTAÇAO.VERSÃO FINAL.2.pdf1.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.