Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9528
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorCampos, Adriana Fiorotti-
dc.date.accessioned2018-08-01T23:59:22Z-
dc.date.available2018-08-01-
dc.date.available2018-08-01T23:59:22Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/9528-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.subjectBiomethaneeng
dc.subjectEnergetic Recoveryeng
dc.subjectRegulationeng
dc.titleAnálise técnica e regulatória da geração de energia a partir do biogás de aterros sanitários no Espírito Santopor
dc.typemasterThesiseng
dc.subject.udc628-
dc.subject.br-rjbnBiogáspor
dc.subject.br-rjbnEnergia - Fontes alternativas - Regulaçãopor
dc.subject.br-rjbnBiocombustíveispor
dcterms.abstractA utilização de biogás proveniente de digestão anaeróbia de resíduos sólidos urbanos apresenta-se como uma importante opção para diversificar a matriz energética brasileira, além de contribuir para reduzir o impacto dos resíduos sólidos no meio ambiente. Assim, este estudo objetiva estimar a capacidade de oferta de biogás proveniente dos aterros sanitários do estado do Espírito Santo a fim de avaliar seu potencial energético para geração de energia elétrica. Analisa, também, as possibilidades regulatórias de comercialização e uso desse recurso no Brasil, especialmente no Espírito Santo e em suas macrorregiões. No que diz respeito à metodologia, emprega, em sua fase quantitativa, a coleta de informações em aterros sanitários em operação e a projeção de geração de resíduos para o Espírito Santo para inserção em modelo matemático denominado LandGEM, recomendado pela United States Environmental Protection Agency para previsão do potencial de geração de biogás. Em sua fase qualitativa de análises regulatórias de comercialização de energia a partir do biogás, utiliza pesquisa documental e bibliográfica. Realiza também entrevistas com representantes do setor energético e de usinas termoelétricas que operam com o biogás de resíduos sólidos urbanos no Brasil. Os resultados indicam que a energia disponível para abastecimento no período de 2016 a 2035 é de aproximadamente 3,17 x 109 kWh (média anual de 158.687MWh/ano capaz de atender até 88.160 residências). A análise regulatória constata que esse potencial também encontra viabilidade para aplicação em caráter experimental e industrial, assim como para uso dedicado e para combustível veicular em frotas cativas. Constata também que, atualmente, o marco regulatório nacional inviabiliza a utilização desse recurso para injeção na rede de gás natural.por
dcterms.abstractThe use of biogas generated from anaerobic digestion of Solid Urban Waste (SUW)reveals itself as an important option for diversifying the brazilian energetic sources plus reducing the impact of solid waste on the environment. So, this study tried to estimate the potential for biogas generation in the landfills in the state of Espírito Santo aiming to evaluate it ́s energetic potential in the creation ofelectric energy.Also it analysisregulatory possibilities for commercialization and the use of this resource in Brazil and especially in EspíritoSanto and it ́s macro regions. Regarding methodology this research used in it ́s quantitative phase the gatheringof information on operational landfills and a projection for waste generation for Espírito Santo to be included in Model Land GEM recommended by United States Environmental Protection Agencyfor prevision of biogas generation potential. In it ́s qualitative phase of energy commercialization regulation analysis, was used bibliographical and documental research. We also used interviews with representatives of the energy sector and plants. The results indicate that the available energy for supply in the periodfrom 2016 to 2035 is approximately 3.17 x 109kWh,an annual average of 158.687 MWh/year, capable to attend to 88.160 households. Based on regulatory analysis was noted the feasibility for use in experimental and industrial forms as well as for dedicated use and vehicular fuel in captive fleets. However, in the present time national regulations make it unfeasible the use of this resource in the natural gas (NG) network.eng
dcterms.creatorGaliza, Juçara de Jesus Monteiro de-
dcterms.formatTexteng
dcterms.issued2017-03-31-
dcterms.languagepor-
dcterms.subjectBiometanopor
dcterms.subjectRecuperação Energéticapor
dcterms.subjectRegulaçãopor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia e Desenvolvimento Sustentávelpor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqSaneamento Ambientalpor
dc.publisher.courseMestrado Engenharia e Desenvolvimento Sustentávelpor
dc.contributor.refereeOliveira, Luciano Basto-
dc.contributor.refereeSantos, G. V.-
dc.contributor.advisor-coSiman, Renato Ribeiro-
Aparece nas coleções:PPGESA - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_11198_Dissertação final Juçara de Jesus Monteiro de Galiza- PPGDS-07.pdf5.62 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.