Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10736
Title: EFEITOS DO VENTO SOBRE CARACTERÍSTICAS ESTRUTURAIS, FISIOLÓGICAS E BIOQUÍMICAS DE MUDAS DE Theobroma cacao L. (Malvaceae) E USO DO SILÍCIO COMO AMENIZADOR DO ESTRESSE
metadata.dc.creator: FANTINATO, D. E.
Issue Date: 7-Aug-2018
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: FANTINATO, D. E., EFEITOS DO VENTO SOBRE CARACTERÍSTICAS ESTRUTURAIS, FISIOLÓGICAS E BIOQUÍMICAS DE MUDAS DE Theobroma cacao L. (Malvaceae) E USO DO SILÍCIO COMO AMENIZADOR DO ESTRESSE
Abstract: O cacaueiro (Theobroma cacao) é uma espécie perene, de porte arbóreo originária da região do Alto Amazonas. A importância econômica dessa espécie está relacionada principalmente as suas sementes, as quais são utilizadas para a fabricação do chocolate. Dentro do cenário nacional, o Espírito Santo ocupa a 4ª posição como maior produtor, sendo que a maior parte dessa produção se encontra no município de Linhares. No Espírito Santo, o cultivo do cacaueiro, que era sombreado, passou a ser, nos últimos anos, predominantemente a pleno sol. Nessa condição, as plantas encontram-se mais expostas à ação de ventos. Sabe-se que o vento é caracterizado como uma variável ambiental que interfere no crescimento das plantas, contudo, pouco se sabe a respeito de seus efeitos nas características estruturais e fisiológicas do cacaueiro, influenciando seu desenvolvimento. Na tentativa de amenizar estresses abióticos, a adubação silicatada tem se mostrado promissora com efeitos positivos no crescimento, nas trocas gasosas e defesas bioquímicas. Nesse contexto, o objetivo do presente trabalho foi avaliar a influência do vento através da análise de trocas gasosas, das características morfoanatômicas, do teor de lignina e de carboidratos estruturais sobre mudas de cacaueiro. A partir dos resultados, avaliaram-se os efeitos de uma possível ação do silício na redução dos estresses causados pelo vento. Para tanto, num primeiro experimento, foram utilizadas mudas do genótipo PS-1319 de T. cacao em duas áreas, sendo uma totalmente exposta ao vento e a outra consorciada com bananeiras, com menor incidência de vento. Foram realizadas análises mensais de crescimento nessas plantas durante 12 meses e ao final desse período, avaliou-se a anatomia foliar, as trocas gasosas, o teor de lignina e carboidratos estruturais. No segundo experimento, mudas do mesmo genótipo foram cultivadas em viveiro e submetidas a tratamentos com silício, aplicado na folha e no solo, nas concentrações de 2 mM e 1 mM, respectivamente. Posteriormente, as mudas foram submetidas a uma fonte de vento com velocidade média de 2,25 m/s, das 11h as 18h, durante 28 dias. Ao final do experimento foram realizadas análise de crescimento, anatomia foliar, teor de lignina e carboidratos estruturais foliares, trocas gasosas e análises enzimáticas e bioquímicas. Os resultados mostram que as plantas mais expostas ao vento apresentaram maior densidade, condutância estomática e maior fotossíntese. Anatomicamente, as folhas foram mais espessas, apresentando maiores parênquimas paliçádico e esponjoso, maior epiderme abaxial e adaxial e maior lignificação e nervura central, que apresentou mais fibras, permitindo que essas plantas fossem mais rígidas. Contudo, houve redução do crescimento. A avaliação sobre os efeitos do silício sobre as plantas sujeitas ao vento demonstrou que a adubação silicatada atuou de maneira positiva promovendo aumento da nervura, com aumento de células floemáticas e parenquimáticas, e da área foliar, levando à manutenção da assimilação de carbono. O silício levou à redução da transpiração e da atividade enzimática da PPO, APX e SOD, proporcionando economia energética.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10736
Appears in Collections:PPGBV - Teses de doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_12387_Versão Final -Tese Dayana E Fantinato.pdf655.86 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.