Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1095
Title: Os sentidos da escola no contexto de crise de sentido : uma análise a partir do programa educação em valores humanos/projeto escola sustentável em Serra-ES
metadata.dc.creator: Soares, Luciana Pimentel Rhodes Gonçalves
Issue Date: 2014
Abstract: À luz dos autores Berger e Luckmann (2005); De Bastiani (2008); Ferreira (2009); Peruzzo (2010) e Maia (2011), esta pesquisa aborda o que os autores chamam de crise de sentido, contexto em que se percebe uma radical mudança das condições básicas da vida humana e uma crescente transformação dos valores sociais. Esse cenário revela a condição de estar em um mundo onde o que é valorizado é o fugaz, o aparente, o superficial, o sem sentido. Desse modo, propõe uma análise sobre a educação como processo de formação humana, afirmando a instituição escolar como espaço privilegiado de possibilidades emancipatórias de existência. Tendo como contexto de investigação o Programa Educação em Valores Humanos (PEVH) / Projeto Escola Sustentável (PES) desenvolvido em uma das escolas do município de Serra-ES, as questões orientadoras tiveram como objetivo investigar como essa experiência se articula aos enunciados da crise de sentido e como tem favorecido o desenvolvimento da ideia de formação humana no âmbito escolar. A metodologia privilegiada foi o estudo de caso tendo como instrumentos de pesquisa a observação participante, a análise documental e as entrevistas. A partir da perspectiva qualitativa, a pesquisa em campo evidenciou que, embora os sentidos pretendidos pelo desenvolvimento do PEVH / PES nas escolas tenham despertado atenção a questões atuais e relevantes, circunscreveram-se alheios a um debate mais amplo e profundo acerca da escola na atualidade distanciando-se de uma perspectiva crítica. Logo, pela via da responsabilização individual, desconsiderou as contradições históricas.
In light of the authors Berger & Luckmann (2005), De Bastiani (2008), Ferreira (2009); Peruzzo (2010) and Maia (2011), this research addresses what the authors would call a crisis of meaning, context in which a radical change of the basic conditions of human life is perceived and as well as an increasing transformation of social values. This setting reveals the condition of being in a world where what is valued is the fleeting, the apparent, superficial, and senseless. Thus, we propose an analysis of education as a process of human development, affirming the school institution as a privileged environment of emancipatory possibilities of existence. Having as context the Education Research Program in Human Values (PEVH) / Sustainable School Design (PES) carried out in one of the schools in the municipality of Serra-ES, the guiding questions aimed to investigate how this experience is linked to the utterances of the crisis of meaning and how it has favored the development of the idea of human shaping in schools. The preferred approach was the case study taking the research tools as participant observation, document analysis and interviews. From a qualitative perspective, the field research evidenced that although the meanings intended by the development of PEVH / PES in schools have attracted attention to current and relevant issues, others were confined to a deeper and wider debate about the school nowadays distancing itself from a critical perspective. Therefore by means of individual accountability, the historical contradictions were ignored.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1095
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons