Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1102
Title: Simbolismos e motivação no trabalho voluntário:um estudo de caso na Associação de voluntários da APAE de Venda Nova do Imigrante
metadata.dc.creator: Salazar, Kassia de Aguiar
Issue Date: 16-May-2014
Abstract: O objetivo dessa pesquisa é: Compreender os aspectos simbólicas que se relacionam com a motivação no trabalho voluntário na Associação de Voluntários da APAE de Venda Nova do Imigrante - AVAPAE. Para isso, os investigadores apoiam-se na relevância de se estudar as organizações através de abordagens que envolvem a problemática do estudo do simbolismo com intuito de entender as organizações por caminhos diferentes ás teorias organizacionais dominantes, como o funcionalismo. O simbolismo organizacional (MORGAN; FROST; PONDY, 1983; GIOIA, 1986; CARRIERI, 2007) é compreendido como uma teoria organizacional, e o paradigma interpretativo (MORGAN; FROST; PONDY,1983) está posicionado como uma importante abordagem na busca por entender tantos os aspectos formais como os aspectos informais de uma organização. A Teoria das Representações Sociais (MOSCOVICI, 2003) foi adotada como base para investigar essas interpretações em uma organização, com o intuito de alçar uma análise mais aprofundada da vida cotidiana e dos aspectos simbólicos que constroem esse cotidiano, a partir da aplicação da análise de conteúdo (BARDIN, 1977). O entendimento do que motiva o voluntário a exercer sua atividade foi ancorado na construção social dessa realidade (BERGER; LUCKMANN, 1985) estudada, que se baseia na representação do fenômeno motivação do trabalho pela abordagem da subjetividade (REY, 2003) do indivíduo em relação ao seu ambiente de trabalho. A pesquisa pôde chegar a resultados através de uma análise interpretativa simbólica, em um entendimento de que a realidade da AVAPAE se mostrou complexa e subjetiva, levando à identificação de uma relevante influência da construção simbólica da cidade em que a AVAPAE atua, Venda Nova do Imigrante. Assim, a partir desse diagnóstico se evidenciou a interferência dos valores do cidadão vendanovense enquanto produto e produtor dos simbolismos que envolvem o voluntariado. Como contribuição final deste trabalho, defende-se que os caminhos para tratar dessas questões devem considerar a subjetividade que as permeia como um sistema aberto, em uma expressão constante da ação do indivíduo e do contexto social em que ele vive, sendo essa relação uma troca contínua por meio das relações simbólicas vivenciadas pelo ator social e o grupo em que convive.
The focus of this research is: Understanding the symbolic relationships involving motivation in volunteer work at the Association of Volunteers APAE at Venda Nova do Imigrante city - AVAPAE. To reach the objetive, researchers rely on the relevance of studying organizations through approaches that involve the problems of the study of symbolism in order to understand the organizations for different ways beyond of the dominant organizational theories such as functionalism . Organizational Symbolism (MORGAN; FROST; Pondy, 1983; GIOIA, 1986; CARRIERI, 2007) is understood as an organizational theory, and the interpretive paradigm (MORGAN; FROST; PONDY, 1983) is positioned as an important approach in the search for understanding many the formal aspects and informal aspects of a company. The Social Representations Theory (MOSCOVICI, 2003) was adopted as a basis for investigating these interpretations in an organization, in order to raise further analysis of everyday life and the symbolic aspects that build this every day, from the application of analysis content (BARDIN, 1977). The understanding of what motivates the volunteer to do their work was anchored in the social construction of that reality (BERGER; LUCKMANN, 1985) study, which is based on the representation of the phenomenon of worker motivation by the approach of subjectivity (REY, 2003) of the individual in relation to your work environment. The research results could be reached through a symbolic interpretative analysis in an understanding of the reality of AVAPAE been complex and subjective, leading to the identification of a relevant influence of symbolic construction of the city in which it operates AVAPAE, in Venda Nova do Imigrante. So, from this diagnosis was evident interference of values vendanovense citizen as product and producer of symbolism involving volunteering. As a final contribution of this work, it is argued that the ways to address these issues should consider the subjectivity that permeates is an open system in a constant expression of the action of the individual and the social context in which he lives, and this relationship an exchange continuing through the symbolic relationships experienced by social actors and the group that coexists.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1102
Appears in Collections:PPGADM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao.Texto.Kassia.pdf1.11 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons