Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1176
Title: Investigando a financeirização pelos seus teóricos / Pedro Rozales Rodero Dominczak
metadata.dc.creator: Dominczak, Pedro Rozales Rodero
Issue Date: 2014
Abstract: Partimos do fato de que, nas últimas décadas, em especial a partir da década de 1980, o capital retoma parte da lucratividade perdida na década anterior. Essa retomada da lucratividade, contudo, se dá sobre características fortemente diferenciadas da acumulação que marcou o crescimento do período conhecido como os “30 anos dourados” do capitalismo (sobretudo para a perspectiva das classes dominantes dos países centrais). Nesse sentido, nosso pressuposto é que, desde a virada operada pela crise estrutural da década de 1970, a esfera financeira ganhou autonomia em relação ao ciclo global da reprodução capitalista. E, decorrente dessa autonomia, a esfera financeira salta à condição de dominância em relação ao ciclo global. Assim, o objetivo geral desta dissertação é analisar os trabalhos que, pela perspectiva crítica, têm como objeto a esfera financeira. E nosso objetivo específico é compreender como a esfera financeira se relaciona com o ciclo global da reprodução capitalista. Dessa forma, quais seriam as principais características deste novo momento? Quais as causas que teriam impulsionado um crescimento tão acelerado da esfera financeira? Se vivemos em uma fase do capitalismo com forte influência financeira, em que consiste a financeirização, termo que aqui adotamos? E, principalmente, qual o seu relacionamento com o ciclo global do capital? Ela contribuiu para o desenvolvimento da acumulação capitalista ou pode ser considerada como refratária ao desenvolvimento e à expansão do capitalismo? Estas serão as questões que serão trabalhadas ao longo da dissertação.
The specific objective of this dissertation is to comprenhend how the financial sphere is related to the global cycle of capitalistic reproduction. We depart from the fact that in recent decades, specially from the 1980s, the capital recovery takes part of the lost profitable share of the previous decade. Nevertheless, this recovery in profitability occurs on strong differentiated characteristics of accumulation that marked the growth of the period better known as the “30 golden years” of capitalism (specially from the perspective of the ruling classes in core countries). In this sense, our assumption is that, since the the turn managed by the structural crisis of the 1970s decade, the financial sphere gained autonomy in relation to the global cycle of the capitalistic reproduction. And, due to this autonomy, the financial sphere shifts in condition of the dominance in relation to the global cycle. Thus, what are the main features of this new moment? What causes that have driven a rapid growth of the financial sphere? If we live in a stage of capitalism with strong financial influence the term financialization, in what consists? And above all, what is its relationship to the global capital cycle? Was there any contribution to the development of capitalist accumulation or may it be considered as refractory to the development and/or expansion of capitalism? These are the issues that will be worked on throughout the dissertation. Keywords: Financialization. Productive capital. Capital interest. Fictitious capital.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1176
Appears in Collections:PPGPS - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissetacao.texto. Pedro Rozales.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons