Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1470
Title: Materialização e (re)interpretação do debate epistemológico em um currículo de formação em Educação Física
metadata.dc.creator: Alves, Cláudia Aleixo
Issue Date: 2014
Abstract: Este estudo tem por objetivo investigar de que forma o debate epistemológico da Educação Física, constituído, principalmente, a partir da década de 1980, se materializa em um currículo prescrito de formação de professores, bem como compreender as interpretações e reinterpretações que o currículo faz desse debate ao longo do tempo. O currículo prescrito analisado compreende o Projeto Pedagógico de Licenciatura, Graduação Plena em Educação Física da Universidade Federal de Minas Gerais. Como procedimento metodológico, foi utilizada a análise documental do projeto pedagógico em questão e de documentos que auxiliaram a sua elaboração, além de entrevistas com alguns dos professores que participaram da organização do currículo na tentativa de também compreender o contexto que envolveu a sua elaboração. Perante as polaridades presentes no debate epistemológico da área, a elaboração de um documento curricular, que envolve a participação de professores com diferentes interpretações desse debate, acaba por gerar tensões e conflitos que, por sua vez, podem se materializar no currículo. Diante do entendimento do currículo como um documento que expressa um campo de lutas e de poder, resta-nos, então, a dúvida de um currículo de formação de professores em Educação Física que expresse uma única identidade epistemológica, já que as polaridades e divergências da área, não só epistemológicas, mas também políticas se fazem presentes no momento de elaboração desse documento.
This study aims to investigate how the epistemological debate of Physical Education, composed mainly from the 1980s, is embodied in a formal curriculum of training of teachers, as well as understanding the interpretations and reinterpretations that the curriculum makes of this debate over time. The prescribed curriculum comprises the examined undergraduate pedagogical project, full degree in Physical Education of the Federal University of Minas Gerais. As a methodological procedure, the documentary analysis of the pedagogical project in question and documents that helped its preparation was utilized, as well as interviews with some of the teachers who participated in the organization of the curriculum in an attempt to grasp the context that also involved its preparation. Given the polarities present in the epistemological debate of the area, the elaboration of a curriculum document, which involves the participation of teachers with different interpretations of this debate, ultimately generates tensions and conflicts that, in turn, may materialize in the curriculum. Given the understanding of the curriculum as a document that expresses a field of struggles and power, we are left with the question of a curriculum of training of teachers. This research aims to investigate how the epistemological debate of Physical in Physical Education that expresses a single epistemological identity, since the polarities and divergences of the area, not only epistemological, but also politics make themselves present at the time of preparing this document.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1470
Appears in Collections:PPGEF - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Materializacao e reinterpretacao do debate epistemologico em um curriculo de formacao em educacao fisica.pdfTexto completo1.27 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons