Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1568
Title: Práticas de escolarização da educação física no Espírito Santo : o Grupo Escolar Bernardino Monteiro (1908 a 1925)
metadata.dc.creator: Lima, Lidiane Picoli
Keywords: Grupo Escolar Bernardino Monteiro;Educação física;Escotismo
Issue Date: 2013
Abstract: Busca compreender a implantação do Grupo Escolar Bernardino Monteiro no município de Cachoeiro de Itapemirim e o lugar da Educação Física que começava a se constituir como disciplina na escolarização capixaba. Objetiva investigar os discursos, as práticas e os processos constituintes do modelo de grupo escolar e os dispositivos que permitem a Educação Física ser incorporada aos saberes escolares dessa instituição. A periodização deste estudo se faz entre os anos de 1908 e 1925, momento em que os presidentes do Espírito Santo eram de Cachoeiro de Itapemirim. As fontes utilizadas na investigação foram os livros das bibliotecas e os arquivos municipais, documentos do Arquivo Público Estadual, o impresso “O Cachoeirano”, entrevistas e imagens sobre o grupo escolar. Ao analisar o objeto de pesquisa pela sua forma, organização, estrutura e dispositivos opta por adotar, como base teórica, alguns autores como Micheal de Certeau, Roger Chartier e Carlo Ginzburg, os quais ajudam a problematizar as narrativas já produzidas acerca da História da Educação do Espírito Santo por meio da teoria da História Cultural. O Grupo Escolar Bernardino Monteiro representou um avanço no plano educacional da cidade, assim como contribuiu para a urbanização e o imaginário social cachoeirense. Sobre as práticas produzidas nesse espaço escolar, esta pesquisa destaca as problematizações feitas em torno de atividades como o escotismo, percebido como prática introduzida e que de certa forma substituiu a Educação Física e a ginástica naquela escola, nas décadas de 1910 e 1920. Foi possível observar, pelo escotismo, a implementação de uma educação que pretendia atender ao panorama republicano, com ações que visassem à regeneração, à moralização dos costumes e à modernização da cidade por meio da civilidade e do sentimento patriótico dos alunos.
Seeks to understand the implementation of the School Group Bernardino Monteiro in the city Itapemirim and place of Physical Education that began to form as a discipline in capixaba schooling. Aims to investigate the discourses, practices and processes of the constituent school group model and the devices to be incorporated into the physical education with scholarly knowledge of that institution. The stages of this study is between the years 1908 and 1925, when the presidents of the Holy Spirit were Itapemirim. The sources used in the investigation were the books from libraries and municipal archives, documents of the State Public Archives, printed "The Cachoeirano", interviews and pictures about the school group. By analyzing the research object by its shape, organization, structure and devices chooses to adopt, as a theoretical basis, some authors like Micheal de Certeau, Roger Chartier and Carlo Ginzburg, which help to problematize the narratives ever produced about the History of Education the Holy Spirit through the theory of Cultural History. The Group School Bernardino Monteiro represented a breakthrough in the education plan of the city, as well as contributed to the urbanization and cachoeirense social imaginary. On practices that produced the school environment, this research highlights the problematizations made around activities such as scouting, practice introduced and perceived that somehow replaced the physical education and gymnastics at the school, in the 1910s and 1920s . Was observed at scouting, the implementation of an education that was intended to serve the Republican panorama , with actions that are aimed at the regeneration, the moralization of customs and modernization of the city through civility and patriotic feelings of the students.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1568
Appears in Collections:PPGEF - Dissertações de mestrado



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons