Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1578
Title: Tecendo olhares sobre a educação física e a inclusão : um estudo sobre a subjetividade do trabalho docente em contexto de formação continuada
metadata.dc.creator: Cosmo, Jolimar
Keywords: Educação física;Educação permanente;Professores-formação;Subjetividade;Inclusão em educação;Educação;Inclusão;Formação continuada;Subjetividade do trabalho
Issue Date: 2015
Abstract: Este trabalho é um estudo teórico sobre a formação continuada de professores de Educação Física com ênfase na inclusão. Pretende compreender as características e potencialidades dos grupos de formação continuada, presentes nas narrativas docentes, como elementos indicadores da (re)construção da subjetividade e consequentes repercussões nas práticas pedagógicas desses professores. Evidencia, portanto, o entendimento de formação como uma atividade viva e contínua da construção de si próprio, como aponta Antonio Nóvoa, e reúne uma diversidade de dimensões humanas na (re)constituição dos sujeitos, integrando, como práxis, o saber-fazer e os conhecimentos, como afirma Marie-Christine Josso. No que contempla a subjetividade, concernente ao que Fernando Gonzaléz Rey aponta, parte da perspectiva que a visualiza como um sistema complexo entre a dimensão individual e a dimensão social de forma recíproca e inter-relacionada, realizando-se na constituição do sujeito pelo grupo e vice-versa. Busca compreender de que maneira as narrativas dos professores participantes dos grupos de formação continuada em Educação Física, com ênfase na inclusão, indicam mudanças na (re)construção da subjetividade do trabalho docente. Para tanto, a pesquisa valeu-se de uma abordagem documental a fim de tecer considerações sobre o tema em questão. Como material documental da pesquisa, foram utilizados os documentos — relatórios, entrevistas e narrativas — que resultaram em uma dissertação de mestrado e em um relatório de pós-doutoramento produzidos em meio à análise das narrativas dos professores que participaram dos Grupos Operativos de Formação (GOF) de um projeto de extensão ocorrido em 2011 no Laboratório de Educação Física Adaptada, Centro de Educação Física e Desportos, Universidade Federal do Espírito Santo (Laefa/Cefd/Ufes). As análises apontam para a constituição de um ambiente de (re)construção subjetiva do trabalho docente na medida em que são potencializados espaços de formação que reconheçam o sujeito como fonte viva e significativa de conteúdos e ações; que entendam a reflexão e o diálogo como meios eficazes de se aproximar dos sentidos e significados acumulados histórico-socialmente; que façam das situações de trocas de experiências um momento de construção conceitual, procedimental e atitudinal; e que, ao fazer do trabalho docente o ponto de partida e chegada do percurso formativo, percebam a necessidade de enfatizar experiências que possam subsidiar novas reflexões, novos olhares, novas configurações de atuação.
This work is a theoretical study on developing continuing training of physical education teachers, with an emphasis on inclusion - specifically people with disabilities. The aim is to understand the characteristics and potential of continuing traininggroups, strongly present teachers, as indicators elements of (re) construction of subjectivity and the consequent impact on pedagogical practices of teachers. It is evident, therefore, the formation of understanding as a living and continuous activity of the building itself, as pointed out by Antonio Nóvoa, and brings together a diversity of human dimensions in the (re)constitution of subjects, integrating as praxis, the know how and knowledge, as stated by Marie-Christine Josso. In contemplating the subjectivity concerning what Fernando González Rey points out, we start from the perspective of the same as a complex system between the individual dimension and the social dimension in a reciprocal manner and interrelated, performing in the constitution of the subject by the group and vice versa. In this sense, we try to understand the continuing training of those teachers impacted the subjectivity of individuals participating in the process, about to pass in the pedagogical practice of a truly inclusive manner. Then, the research made use of documental approach in order to produce some considerations about the theme itself.As documental research material will be used documents — reports, interviews and narratives — which resulted in a master's thesis and a post-doctoral report produced through the analysis of the narratives of the teachers who participated in the Operating Training Groups (GOF) of an extension project occurred in 2011 in Adapted Physical Education Laboratory, Center of Physical Education Sports, Federal University of Espírito Santo (Laefa/Cefd/Ufes). The analysis points to the establishment of an environment (re)construction subjective of teaching in that spaces are enhanced training to recognize the subject as alive and significant source of content and actions; who understand the reflection and dialogue as an effective means of approaching senses and meanings historical and socially accumulated; making exchanges of experience situations a moment of conceptual construction, procedural and attitudinal; and that by doing the teaching the starting and finishing point of the training path, realize the need to emphasize experiences that can support new thinking, new looks, new performance settings.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1578
Appears in Collections:PPGEF - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TECENDO OLHARES SOBRE A EDUCAÇÃO FÍSICA E A INCLUSÃO.pdf1.31 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons