Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1859
Title: O estrategizar de uma família : análise do processo de profissionalização da gestão de uma empresa familiar capixaba sob a ótica da estratégia como prática social
metadata.dc.creator: Ferreira, Elisabete Rodrigues de Almeida
Keywords: Estratégia como prática
metadata.dc.subject.br-rjfgvb: Empresas familiares
Issue Date: 15-Dec-2015
Abstract: O objetivo desta dissertação é investigar como a profissionalização da gestão é articulada no fazer estratégia dos praticantes de uma empresa familiar, de pequeno porte, localizada no Estado do Espírito Santo. Para o estudo foram utilizados modelos de análises para compreensão dos aspectos que envolvem a empresa familiar, a partir de uma abordagem interpretativa, se distanciando do uso de modelos como mero resumo da realidade. Fundamenta-se na teoria da Estratégia como Prática Social (JARZABKWOSKI, 2005; JARZABKWOSKI, SPEE, 2009; WHITTINGTON, 2006), que pressupõe que a estratégia é construída pelos atores sociais, sendo necessário investigar como eles agem, por que agem e quais práticas utilizam para a investigação da profissionalização da gestão. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, com aplicação de estudo de caso único (Yin, 2005). A coleta de dados foi realizada utilizando a triangulação metodológica (JICK, 1979), conjugando entrevistas semiestruturadas, observação não participante feita de forma assistemática e pesquisa documental. A análise dos dados foi feita por meio da análise de conteúdo (BARDIN, 2004). Como contribuição constatou-se que semelhante à Dekker et al. (2015) a profissionalização da gestão ocorreu com o envolvimento de não familiares aliado ao desenvolvimento de outras dimensões da profissionalização, mas esse caso diferencia-se à medida que verificou-se a influência do campo extra-organizacional (WHITTINGTON, 2006) sob a filha do casal fundador, que assim se profissionaliza e desenvolve estratégias para a profissionalização da empresa familiar. Dessa forma, a profissionalização na empresa investigada envolve a profissionalização da família empresária (FANG ET AL., 2012), o envolvimento de não familiares na gestão e o envolvimento da empresa nas outras dimensões da profissionalização. Em adição a esses três fatores, é necessário atribuir a profissionalização da família empresária como fator moderador no processo da profissionalização da gestão.
This work investigates how the professionalization of management is articulated in strategizing practitioners of a small family business, located in the state of Espírito Santo. It was used analysis models based in an interpretative approach for understanding factors involving the family business, avoiding analysis models based in a mere summary of reality. This study is based on the theory of Strategy and Social Practice (JARZABKWOSKI, 2005; JARZABKWOSKI, SPEE, 2009; WHITTINGTON, 2006), which assumes that the strategy is constructed by social actors, so it need to investigate “how” they act and “why” they act and which practices they use for the investigation of professional management. This is a qualitative research, with application of single case study (YIN, 2005). Data collection was performed using the methodological triangulation (JICK, 1979) and it combines semi-structured interviews, non-participant observation made in an unsystematic way and documentary research. Data analysis was done through content analysis (Bardin, 2004). Similarly to Dekker et al. (2015), it was noted that the professionalization of management has occurred with the involvement of a non-family member allied with the development of other dimensions of professionalization, however this case differs from Dekker as it was noted the influence of extra- organizational field (WHITTINGTON, 2006) under the daughter of the founder couple, whom becomes professional and developed strategies for the professionalization of the family business. The professionalization involves the professionalization of business family (FANG ET AL., 2012), the involvement of non- family member in the management and the company's involvement in other aspects of professionalization, In addition of these three factors, it is necessary to assign the professionalization of family entrepreneur as a moderator factor of professionalization of management process.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1859
Appears in Collections:PPGADM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Elisabete final rev.pdf1.34 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons