Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1937
Title: Encontros de matriciamento : cartografando seus efeitos na rede de cuidados de saúde mental
metadata.dc.creator: Belotti, Meyrielle
Keywords: Saúde mental;Saúde coletiva;Psicologia clínica da saúde
Abstract: O trabalho visa analisar os encontros de matriciamento realizados no município de Cariacica-ES, procurando conhecer os efeitos e as contribuições que a interlocução da Saúde Mental com a Atenção Básica pode proporcionar no fortalecimento da rede de cuidados e no processo de desinstitucionalização da loucura. Para tanto, realizamos uma revisão bibliográfica de alguns documentos que relatam um pouco sobre a história, as conquistas e os desafios que acompanham o Movimento da Reforma Psiquiátrica, bem como, apresentamos as diretrizes atuais, que regem a Atenção Básica e a lógica de funcionamento do Apoio Matricial. Na sequência, contextualizamos o leitor sobre a paisagem estudada e apresentamos alguns conceitos advindos do pensamento de Espinosa, que sustentaram essa pesquisa. Optou-se pela cartografia como uma postura ética para acompanhar os movimentos de transformação da paisagem psicossocial, que foi sendo desenhada através dos encontros de matriciamento. Utilizamos o diário de pesquisa como uma ferramenta metodológica, que proporcionou a atualização da linguagem desses movimentos, priorizando a análise dos afetos. Em seguida, apresentamos uma cartografia das marcas produzidas nesses encontros de matriciamentos e “concluímos” que o Apoio Matricial pode ser um dispositivo importante quando esse possibilita a criação de práticas capazes de proporcionar uma abertura para a experimentação de novos modos de viver, de trabalhar, de se relacionar, enfim, de se encontrar.
The work analyzes the meetings held in the municipality of matricial Cariacica-ES, seeking to know the effects and the contributions that the dialogue with the Mental Health Primary Care can provide in strengthening the network of care and the process of deinstitutionalization. Thus, we performed a literature review of some documents that tell a little about the history, achievement and challenges that accompany the Psychiatric Reform Movement, and we present current guidelines governing the Primary and the operating logic of Support Matrix. Subsequently, we contextualize the reader about the landscape studied and present some concepts arising from Spinoza's thought, which supported this research. We opted for cartography as an ethical stance to track the movements of psychosocial transformation of the landscape, which was being drawn through the matricial meetings. We use the field diary as a methodological tool, which provided the update of the language of these movements, emphasizing the analysis of affects. Then we present a mapping of brands produced in these meetings matriciamentos and "conclude" that the Support Matrix can be an important device when that enables the creation of practical, able to provide an opening for experimenting with new ways of living, working, to relate, ultimately, to find.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1937
Appears in Collections:PPGPSI - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao Meyrielle.pdf805.18 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons