Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1999
Title: Documentação semântica na gerência de projetos
metadata.dc.creator: Bastos, Erick Casagrande
Keywords: Documentos eletrônicos;Metadados;Processamento eletrônico de dados;Projetos – Gerência;Ontologia;Semântica – Documentação
Abstract: A existência de ferramentas de software dedicadas à gerência de projetos não eliminou a utilização de documentos desktop nesse domínio. Documentos de texto e planilhas eletrônicas são utilizados no âmbito dos projetos, pois são instrumentos que permitem o registro de informações úteis para comunicação entre os envolvidos no projeto e ajudam no seu entendimento. Entretanto, uma desvantagem da utilização de documentos é a dificuldade em obter informações consolidadas a partir deles, especialmente quando essas informações estão dispersas em vários documentos. O acesso ao conteúdo de documentos tipicamente depende de intervenção humana, uma vez que os documentos foram originalmente criados para seu conteúdo ser entendido por humanos e não por computadores. Para contornar esse problema, pode-se utilizar a Documentação Semântica, que consiste na adição de metadados baseados em ontologias ao conteúdo de documentos desktop, para possibilitar que computadores interpretem seu conteúdo. Neste trabalho foi explorada a utilização da documentação semântica na gerência de projetos, visando apoiar a realização de atividades relacionadas às gerências de escopo, tempo e custos. O estado da arte de documentação semântica aplicada à gerência de projetos foi investigado em uma revisão sistemática da literatura, cujos resultados mostraram que o tópico de pesquisa é recente e ainda apresenta vários aspectos a serem explorados. Como infraestrutura para a proposta de documentação semântica apresentada neste trabalho foi escolhida a Plataforma de Gerenciamento de Documentos Semânticos (PGDS), desenvolvida por Arantes (2010), que utiliza ontologias de domínio como base para anotação de documentos, incluindo funcionalidades para extração, armazenamento e busca de conteúdo a partir de anotações semânticas. A PGDS foi evoluída neste trabalho, tanto no âmbito geral, pela inclusão de planilhas eletrônicas como um novo tipo de documento possível de ser manipulado pela plataforma, quanto no âmbito específico do domínio de gerência de projetos, pela especialização da PGDS para esse domínio através da inclusão de funcionalidades de apoio à gerência de escopo, tempo e custos. Para isso, uma ontologia para o domínio da gerência de projetos de software foi criada e teve seus conceitos, relações e propriedades explorados. Por fim, foi realizado um estudo para avaliação preliminar da proposta.
The existence of project management supporting tools did not eliminate the need of using desktop documents in this domain. Text documents and spreadsheets are used in the context of projects, since they are instruments to record useful information to support communication between stakeholders and understanding about the project. However, one disadvantage of using documents is the difficulty of obtaining consolidated information from them, especially when information is distributed in several documents. The access to document content typically depends on human intervention, since they were originally created to be understood by humans and not by computers. To deal with this problem, Semantic Documentation can be used. Semantic Documentation consists in adding ontology-based metadata into desktop document content so that it become available for computers interpretation. In this work we explore the use of semantic documentation in project management aiming to support activities related to scope, time and cost management. We investigated the state-of-the-art of semantic documentation applied to project management by means of a systematic literature review. The results showed us that the research topic is recent and there are several aspects to be explored. As the infrastructure to the proposal presented in this work, we choose the Infrastructure for Managing Semantic Documents (IMSD) developed by Arantes (2010). IMSD uses domain ontologies as basis to semantic documentation, including features for content extraction, storage and search using semantic annotations. We extended IMSD by making it able to work with spreadsheets. Also, we specialized IMSD to the project management domain by creating features to support activities related to scope, time and cost management. For this, a domain ontology about software project management was developed and its concepts, relations and properties were explored. Lastly, we conducted a study that served as a preliminary evaluation of the proposal.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/1999
Appears in Collections:PPGI - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao Erick Casagrande.pdf3.9 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons