Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2080
Title: Crítica de arte em Vitória/ES: Lindolpho Barbosa Lima e Carlos Chenier
metadata.dc.creator: SALES, S. F. D.
Issue Date: 24-May-2011
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SALES, S. F. D., Crítica de arte em Vitória/ES: Lindolpho Barbosa Lima e Carlos Chenier
Abstract: Crítica de arte em Vitória/ES: Lindolpho Barbosa Lima e Carlos Chenier A crítica de arte no Espírito Santo ainda não possui características que a aproxime das reflexões e das bases estéticas de outras capitais brasileiras. Os textos sobre crítica de arte no Espírito Santo são caracterizados por dois estilos: cronista, descritivo e informativo, publicados na imprensa e foram elaborados em dois momentos distintos. Entretanto, semelhantes em alguns aspectos. O primeiro momento é marcado pela atuação de Barbosa Lima, atuante em Vitória nos anos 1940 e 1950, considerado um crítico acadêmico e defasado, contudo os textos que elaborava se faziam na medida daquilo que ocorria na cidade de Vitória. O ambiente artístico era defasado e o gosto pela pintura paisagística imperava. Seus textos revelam aspectos subjetivos e poéticos, e em alguns momentos desviam-se de uma análise crítica. O segundo momento, décadas de 1970 e 1980 é marcado pela atuação de Carlos Chenier, identificado com um modelo textual mais próximo do jornalismo cultural, que também se tornou imperativo na crítica de arte vinculada na imprensa escrita de outras capitais brasileiras, tendo como principais características a rapidez e a falta de aprofundamento crítico. Tanto Barbosa Lima quanto Carlos Chenier tornaram-se cada um na sua época de atuação, respeitados por aqueles que participavam do meio intelectual e artístico capixaba, quer pelos textos por eles publicados nos jornais quer por sua aproximação com o meio, principalmente com os artistas e suas obras. Esses textos estimularam e foram responsáveis por criar um ambiente próprio para os artistas que desejavam fazer parte do cenário artístico. O estudo da produção das crônicas desses críticos permitiu constatar que eles estiveram integrados ao contexto artístico-cultural da cidade de Vitória, o que os torna agentes da história das artes plásticas neste Estado.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2080
Appears in Collections:PPGA - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_4831_Dissertação de Mestrado em Artes_Ufes_Sandra Fátima Dias Sal.pdf14.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.