Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2159
Title: Estudos Culturais em Educação Ambiental: os usos e consumos dos produtos culturais em espaços na/da biorregião do Caparaó capixaba.
metadata.dc.creator: RIBEIRO, F. N.
Keywords: Estudos culturais;Usos e consumos;Educação ambiental
Issue Date: 21-May-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: RIBEIRO, F. N., Estudos Culturais em Educação Ambiental: os usos e consumos dos produtos culturais em espaços na/da biorregião do Caparaó capixaba.
Abstract: A presente pesquisa Estudos Culturais em Educação Ambiental: os usos e consumos dos produtos culturais em espaços na/da biorregião do Caparaó Capixaba é resultado de estudos do Doutorado em Educação e foi realizada com os sujeitos praticantes das localidades de Patrimônio da Penha e Pedra Menina, localizadas no entorno direto do Parque Nacional do Caparaó no lado capixaba. Entendemos esses sujeitos praticantes como aqueles que procuram viver da melhor forma possível, com astúcias anônimas das artes de fazer, criando, inventando os cotidianos, escapando silenciosamente ao lugar que lhe é atribuído, conforme Michel de Certeau nos apresenta. Assim, compreender de que forma os produtos culturais em Educação Ambiental são traduzidos na produção de narrativas e formação de identidades a partir dos processos sociais, político e das relações de poder foi o objetivo geral desta investigação. Para trilhar essa pesquisa propomos ir às escolas e problematizar a leitura que é realizada dos produtos culturais em Educação Ambiental, aqui entendidos como repertórios interpretativos e textuais que chegam às escolas; compreender as possíveis estratégias dos encontros e eventos promovidos pelos educadores ambientais nos processos instituídos para a Educação Ambiental; interpretar como os saberes ambientais são recebidos e representados na construção de espaços intermediários de tradução na auto-eco-organização. Além disso, tivemos como intenção, identificar como as redes de saberesfazeres e poderes de formação autopoiética em Educação Ambiental são potencializadas a partir desses produtos culturais. A partir das narrativas e dos caminhos teóricos sobre cultura, estudos culturais e contextos formativos, foram realizadas entrevistas individuais e coletivas, bate-papos e videocabines baseadas na metodologia por imersão com perspectivas no biorregionalismo, na pesquisa narrativa, com enfoque na cartografia dos usos e na cartografia simbólica. Além disso, o pressuposto teórico-metodológico da emoção/ação permeou esta pesquisa com os sujeitos praticantes caparaoenses. Em toda trajetória percorrida, tivemos a presença dos professores e educadores ambientais da biorregião do Caparaó Capixaba, onde não mediram esforços para tecer redes de saberesfazeres e afetos. Logo, foram por esses caminhos que se teceu a tese de que os produtos culturais produzidos na biorregião do Caparaó Capixaba tecem redes e potencializam a Educação Ambiental.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2159
Appears in Collections:PPGE - Teses de doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_6484_FLÁVIA NASCIMENTO RIBEIRO.pdf25.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.