Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2173
Title: A presença da família camponesa na escola família agrícola: o caso de Olivânia
metadata.dc.creator: CALIARI, R. O.
Keywords: família camponesa;escola família agrícola
Issue Date: 7-Oct-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: CALIARI, R. O., A presença da família camponesa na escola família agrícola: o caso de Olivânia
Abstract: A pesquisa analisa as relações entre a família camponesa e a Escola Família Agrícola de Olivânia, localizada no Vale do rio Coryndiba, no município de Anchieta, Estado do Espírito Santo, Brasil. Foi desenvolvida na linha de pesquisa: Cultura, Currículo e Formação de Educadores do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Espírito Santo. Problematiza como se constituem os momentos de participação da família camponesa na Pedagogia da Alternância e mais especificamente como estão presentes nas práticas educacionais desta instituição de ensino. Analisa aspectos teóricos e práticos sobre participação (Santos Guerra, 2002; Gimonet 2007; García-Marirrodriga e Puig-Calvó, 2010 e; Duffaure, 1993 ). Também aprofunda discussões sobre ethos camponês (Brandão, 1995, 1995a, 1999 e; Woortmann, 1990a, 1997). As abordagens qualitativas em educação possibilitaram aprofundamento sobre questões metodológicas socioantropológicas (Da Matta,1987; Brandão, 2003 e; Fichtner et al, 2013). Os processos investigações para produção, sistematização e análise de dados beneficiaram-se da realização de entrevistas semiestruturadas, análise documental, observação direta, registros sistemáticos em diário de campo. As complexas realidades encontradas foram focalizadas de forma abrangente e contextualizada em rodas de conversas com os protagonistas da pesquisa a partir dos movimentos e momentos de interação potencializados pela Pedagogia da Alternância. A participação das famílias camponesas nos espaços da Escola Família Agrícola de Olivânia, independentemente das transformações que se processam no Vale, contribui de forma peculiar para a promoção da autoestima dos sujeitos envolvidos, gera novas formas de autorrepresentação, cria outras percepções da realidade, valoriza os saberes camponeses gerados nas relações das ancestralidades familiares, amplia estratégias para novos espaços de ação comunitária e de reconstrução do ethos camponês.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2173
Appears in Collections:PPGE - Teses de doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_6913_TESE JUNTO - pdf.pdf13.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.