Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2342
Title: Tipo assim... ser aluno adolescente no IFES Campus Colatina: sentimentos e impressões
metadata.dc.creator: FERRARI, M. G.
Keywords: Educação;Adolescência;Afetividade
Issue Date: 26-Feb-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: FERRARI, M. G., Tipo assim... ser aluno adolescente no IFES Campus Colatina: sentimentos e impressões
Abstract: Esta pesquisa tem por objetivo apresentar, a partir da perspectiva dos discentes, o que é ser aluno adolescente no IFES, quais são os sentimentos acerca de si, dos pares, da família e como acontecem as relações professor/aluno/objeto de conhecimento. O referencial teórico adotado baseou-se nos estudos de Vigotski e Wallon, que enfatizam a perspectiva histórico-cultural e consideram que as dimensões afetivas e cognitivas se entrelaçam no indivíduo. A metodologia utilizada foi estudo de casos, inserida no âmbito da abordagem qualitativa da pesquisa. A coleta de dados deu-se por meio de análise documental e entrevistas individuais com vinte alunos adolescentes na faixa etária de 14 a 18 anos, matriculados no Curso Técnico em Edificações Integrado ao Ensino Médio do IFES Campus Colatina-ES. A análise, por sua vez, constituiu-se no agrupamento de categorias temáticas, a saber: Professores e Práticas Pedagógicas, Sentimentos acerca de si, Relacionamento com os pares, Relacionamento com a família e Sobre ser aluno do IFES. Os resultados apontaram para a importância em perceber o adolescente como uma pessoa que se constitui através da sua relação com o outro e ao fato de que a qualidade dessa relação afeta tanto à sua dimensão afetiva quanto à sua dimensão cognitiva, interferindo na escola, no seu rendimento e no seu relacionamento com os demais, de acordo como cada sujeito recebe e reage às situações cotidianas. Apontam também para a necessidade de o educador conhecer as características específicas dessa faixa etária, buscando diferentes metodologias para despertar interesse no aluno pelo objeto de conhecimento. Nesse estudo, ficou evidente o quanto os alunos adolescentes necessitam de alguém para ouvi-los, para saber quem eles são, o que os afetou/afeta e como suas experiências de vida contribuíram/contribuem para a constituição da sua pessoa.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2342
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_6420_DIS%20FINAL%20MARL[2] PARA ENCADERNAR.pdf656.87 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.