Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2400
Title: Dialogando com as salas de aula comuns e o atendimento educacional especializado: possibilidades, movimentos e tensões.
metadata.dc.creator: NASCIMENTO, A. P.
Keywords: Atendimento educacional especializado;Bidocência;
Issue Date: 23-Dec-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: NASCIMENTO, A. P., Dialogando com as salas de aula comuns e o atendimento educacional especializado: possibilidades, movimentos e tensões.
Abstract: O objetivo deste estudo é problematizar as políticas de Educação Especial e as práticas pedagógicas do município de Nova Venécia/ES, tendo em vista a articulação entre a sala de aula comum e o atendimento educacional especializado, potencializando a escolarização dos alunos público-alvo da Educação Especial. Analisa as políticas locais à luz das políticas nacionais, de forma a conhecer e discutir os diferentes caminhos que o município vem adotando para a inclusão desses alunos em seu sistema de ensino. Com o objetivo de discutir as questões anunciadas, apoia-se nas reflexões teóricas de Boaventura de Sousa Santos e Philippe Meirieu, haja vista o reconhecimento da diferença como potente e a aposta na educabilidade dos sujeitos em questão. No que se refere à Educação Especial, faz interlocuções com as produções de pesquisadores interessados pela área, tais como: Jesus, Mendes, Kassar, Prieto, dentre outros. Para tal estudo, a metodologia utilizada foi a pesquisa-ação, que assume a possibilidade de provocar mudanças para os desafios colocados à prática docente, a partir dos processos de ação-reflexão-ação dos sujeitos envolvidos (BARBIER, 2004). Essa perspectiva teórica e metodológica possibilitou uma aproximação com os sujeitos-pesquisadores desde a composição do desenho investigativo. Como instrumento de coleta de dados, utiliza encontros de reflexão e grupos focais, bem como da observação participante e entrevistas semiestruturadas. Os principais apontamentos referem-se à significação do atendimento educacional especializado como contribuição para o acesso aos conhecimentos escolares em articulação com o conhecimento que constitui o currículo escolar, considerando as possibilidades dos alunos público-alvo da Educação Especial. Nessa linha, constata que, no município, há movimentos interessantes para a consolidação e o fortalecimento dos processos de escolarização. A política municipal inclui a presença de professores em bidocência, que atuam na sala de aula comum com os colegas regentes, um forte investimento em formações continuadas e arranjos organizativos facilitadores da oferta do atendimento educacional especializado no espaço das salas de recursos multifuncionais. Essas condições se configuram como movimentos promissores, embora, ainda, diante de muitas tensões. A política local se encontra em processo de consolidação e muitas alternativas vêm sendo experimentadas tendo em vista processos mais inclusivos de escolarização.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2400
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_7278_DISSERTAÇÃO Alice Pilon do Nascimento - finalizada20140709-170404.pdf1.95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.