Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2529
Title: Retenção discente no Centro de Ciências Humanas e Naturais da UFES: o caso dos cursos Letras-Português e Geografia
metadata.dc.creator: MORAES, J. P. B.
Issue Date: 26-Nov-2015
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MORAES, J. P. B., Retenção discente no Centro de Ciências Humanas e Naturais da UFES: o caso dos cursos Letras-Português e Geografia
Abstract: Com um número cada vez maior de estudantes universitários, a educação superior brasileira tem se deparado com dados alarmantes sobre a evasão e a retenção dos alunos, sem, contudo, conseguir superar essa realidade de abandono dos estudos e de não formação de profissionais para suprir as demandas do mercado de trabalho. Entende-se aqui a retenção como fator negativo, referindo-se ao aluno que não consegue graduar-se no tempo previsto na matriz curricular, demandando um tempo maior para a conclusão do curso. Há um tímido esforço no desenvolvimento de pesquisas e de políticas específicas para o combate da evasão e da retenção no Brasil, e a Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) é uma das primeiras instituições a se empenhar na superação dessa problemática, com o debate do tema e o apoio a pesquisas, como a de Pereira (2013), que apresentou um panorama da retenção nos cursos presenciais da UFES. A pesquisa mostrou, por exemplo, que o Centro de Ciências Humanas e Naturais (CCHN) da Universidade tinha graduações com mais de 80% de alunos retidos, como Geografia e Letras-Português. O fato levou a indagar: quais os principais fatores associados à retenção de discentes nos cursos presenciais de Letras-Português matutino, Letras-Português noturno, Geografia matutino e Geografia noturno do CCHN/UFES? Para identificar os possíveis motivadores da retenção, foram aplicados questionários e realizadas entrevistas semiestruturadas com os estudantes em situação de retenção nas graduações acima citadas, e também foram entrevistados o diretor do CCHN e os coordenadores dos cursos. Por meio do método de análise de conteúdo, e à luz das teorias e dos estudos já existentes na literatura nacional e internacional a respeito da permanência prolongada, foram identificados, nas falas dos alunos, os motivadores da retenção, que foram apresentados por meio das categorias: fatores referentes a características individuais dos estudantes, fatores externos à instituição e fatores internos à instituição. Os representantes da Universidade também trouxeram um olhar institucional a respeito da problemática. Diante disso, foram sugeridas ações de intervenção institucional para a prevenção e o enfrentamento da permanência prolongada.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2529
Appears in Collections:PPGGP - Dissertações de mestrado profissional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_9194_Dissertação Final - Joana Boeno20160107-101401.pdf1.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.