Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2821
Title: Práticas de Gestão e Relações de Trabalho na Produção: estudo de caso em uma empresa estatal
metadata.dc.creator: Teixeira, Tadeu Gomes
Keywords: Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos - Gestão de empresas
Issue Date: 8-Feb-2010
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: Dissertação: Práticas de Gestão e Relações de Trabalho na Produção: estudo de caso em uma empresa estatal. Autor: Tadeu Gomes Teixeira Resumo A análise das práticas de gestão e das relações de trabalho na produção na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) foi o objetivo que norteou a pesquisa para esta dissertação. O foco da análise abarcou os diversos contextos sócio-históricos em que práticas de gestão e organização do trabalho foram implantadas na empresa, bem como as correspondes relações sociais de produção. Para atingir o objetivo estabelecido, algumas questões específicas nortearam a condução do trabalho: 1) Como a história da ECT se relaciona às tentativas de modernização e racionalização dos serviços públicos no Brasil? 2) Qual foi o contexto em que ocorreram as reformas dos processos produtivos na ECT? 3) Quais são as características das práticas de gestão da produção utilizadas nas unidades operacionais de distribuição domiciliária da ECT? 4) Como as relações sociais de produção se configuram nas unidades de distribuição e se relacionam às práticas de gestão do trabalho na ECT? Para a execução do trabalho de pesquisa, realizou-se uma análise documental, entrevistas com carteiros e uma observação direta das atividades de trabalho em um Centro de Distribuição Domiciliária. Sendo assim, verifica-se que o processo de modernização da ECT acompanha as tendências constantes de atualização das práticas de gestão consoantes à dinâmica capitalista, fato evidenciado pela influência que o processo de racionalização exerceu sobre a organização, tanto nas décadas de 1930 e 1940, quando a principal característica do processo era formar uma força de trabalho disciplina e apta ao trabalho fabril, quanto na organização do processo de trabalho na década de 1970, ocasião em que o taylorismo foi a principal técnica utilizada. Nesse contexto, observou-se que o autoritarismo, o controle e a racionalização caracterizaram as relações de trabalho. Na década de 1990, a ECT inicia um processo de reestruturação produtiva visando implantar técnicas de gestão com orientação toyotista em suas unidades operacionais, em uma operação que objetiva consolidar a produção industrial de serviços na empresa. Sendo assim, verificou-se a associação de ferramentas e técnicas de orientação taylorista e toyotista na unidade operacional pesquisada, indicando existir um hibridismo nas práticas de gestão da produção, aspecto que impacta as relações sociais de produção. Nesse sentido, as relações de trabalho caracterizam-se pelo autoritarismo por parte de gestores e por conflitos entre trabalhadores e gestores. As relações sociais entre os trabalhadores são marcadas ainda pelo dissenso entre os mesmos, aspecto relacionado às práticas de gestão da produção utilizadas pela ECT.
The analysis of management practices and labor relations in the Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) was the goal that guided the research for this dissertation. The focus of analysis runs the various socio-historical contexts in which management practices and organization of work were employed in the company, as well as respond to it the social relations of production. To achieve the stated objective, specific questions guided the conduct of work: 1) As the history of ECT is related to attempts at "modernization” and streamlining of public services in Brazil? 2) What was the context in which there were reforms of productive processes in ECT? 3) What are the characteristics of management practices used in production units operating home delivery of ECT? 4) How the social relations of production to configure the switching units and relate to management practices in ECT work? For the implementation of the research work, there was a documentary analysis, interviews with mail and a direct observation of work activities in a home-delivery center. Thus, it appears that the modernization process of ECT monitors trends constant updating of management practices consonant with capitalist dynamics, evidenced by the influence that the rationalization process had on the organization, both in the 1930s and 1940s, when the main feature of the process was to create a workforce able to discipline and factory work, and in the organization of the work in the 1970s, during which taylorism was the main technique used. In this context, it was observed that authoritarianism, control and rationalization characterized labor relations. In the 1990s, ECT start a restructuring process in order to implement management techniques with guidance lean production in its operations in an operation that aims to consolidate the industrial production of services within the company. Therefore, it was the combination of tools and technical guidance and the taylorism and lean production in operation investigated, indicating that a hybrid management practices in production, an aspect that impacts the social relations of production. In this sense, the practices of production management model used by the ECT labor relations, characterized by authoritarian managers, conflicts between workers and managers, as well as dissent among workers. Keywords: Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos - Management companies - Labor relations - Taylorism - Toyota Production System
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2821
Appears in Collections:PPGADM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_3664_.pdf1.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.