Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2827
Title: Sistema de informação geográfica e análise espacial : o seu papel na administração pública municipal
metadata.dc.creator: Scheidegger, Emerson
Issue Date: 14-Jul-2010
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: A grande maioria das variáveis tratadas nas atividades da administração pública possui uma componente espacial, ou seja, possui uma localização no espaço geográfico. Isso motivou a adoção de ferramentas baseadas em Sistemas de Informação Geográfica (GIS) no setor público de um modo geral e no setor público municipal de forma particular. Esta dissertação apresenta uma análise sobre o uso dos Sistemas de Informação Geográfica, seus impactos na administração pública municipal e suas potencialidades e usos como sistema de informação útil a partir da análise espacial utilizada pelos gestores das Secretarias Municipais. Foram realizadas 18 entrevistas na Prefeitura Municipal de Vitória com os principais envolvidos com a utilização da tecnologia GIS. Foram recuperadas às informações referentes à implantação dos Sistemas GIS, o uso pelas Secretarias Municipais e foi utilizado o arcabouço metodológico proposto por Nedovic-Budic em uma adaptação ao já consagrado modelo de DeLone e McLean para avaliação de sistemas de informação a fim de avaliar os efeitos de adoção da tecnologia. Percebeu-se que o grau de maturidade do uso atual apenas permite a utilização desta ferramenta como um sistema de coleta e armazenamento de dados geográficos, recuperação e geração de produtos cartográficos impressos. Pouco se tem realizado na PMV quanto ao uso do GIS para a análise espacial de fenômenos apesar da aplicação do modelo de Nedovic-Budic apontar para os ganhos obtidos em função da adoção da tecnologia. Há muita dificuldade em se estabelecer dentro da PMV uma cultura voltada para o entendimento do geoprocessamento e dos Sistemas de Informação Geográfica.
The vast majority of the variables dealt with in the public administration activities have a spatial component, that is, a location in geographic space. This has led to the adoption of tools based on Geographic Information Systems (GIS) in the public sector in general and the municipal public sector in particular. This dissertation presents an analysis of the use of Geographic Information Systems, their impact on public municipal administration, and their potential and uses as a spatial data analysis system for Municipal Secretariat managers. Eighteen interviews were carried out with the main users of GIS technology in the Municipal Government of Vitória (PMV). The data on the implementation of GIS systems and their use by Municipal Secretariats were retrieved. The methodological framework proposed by Nedovic-Budic adapted from the renowned model by DeLone and McLean was used for assessing information systems and their effects on the adoption of this technology. Results show that the current level of maturity in the use of this technology only allows it to be employed as a system to collect and store geographic data, and to retrieve and generate printed cartographic products. Little has been accomplished in the Municipal Government of Vitória regarding the use of GIS to analyze spatial phenomena, even though the Nedovic-Budic framework points to the benefits of adopting this technology. It is very difficult to establish a culture of understanding geoprocessing and Geographic Information Systems in the Municipal Government of Vitória (PMV).
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2827
Appears in Collections:PPGADM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_3671_.pdf1.82 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.