Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2857
Title: Valores e Criatividade na Universidade Federal do Espírito Santo: do Sujeito ao Organizacional
metadata.dc.creator: Gomes, Eduarda De Biase Ferrari
Keywords: Ambiente organizacional;Criatividade;Valores organizacionais
Issue Date: 25-Mar-2008
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: O presente trabalho teve por objetivo compreender as possíveis relações entre valores e criatividade no âmbito da Universidade Federal do Espírito Santo. Para a execução da pesquisa foi preciso levantar e descrever o conjunto de valores organizacionais, e seu processo de formação; e, levantar e analisar casos voltados ao objeto de estudo que permitissem alguma inferência sobre possíveis relações entre valores e criatividade. A pesquisa adquiriu formato misto, ou seja, natureza qualitativa e quantitativa, uma vez que se viu a necessidade de verificar particularidades e percepções do elemento a ser investigado. Considerando esta abordagem, o trabalho de campo foi realizado na própria Universidade. A amostra estratificada proporcional e representativa da população, a um grau de confiança de 95%, e com uma margem de erro de 5% foi de 320 servidores. A pesquisa foi dividida em sete etapas, passando por simples Brainstorm, pela pesquisa quantitativa e por análises de conteúdo. Os resultados quantitativos não foram significativos pois pouco explicaram da relação entre as variáveis. Por essa razão deu-se ênfase à pesquisa qualitativa que primou por entrevistas com os envolvidos nos incidentes críticos (criatividade ou não). Esses resultados mostraram que o ambiente da Universidade, por sua característica enfaticamente burocrática, mostra-se desfavorável aos processos criativos.
The purpose of the present work is to comprehend the possible relations among values and creativity in the ambit of the Federal University of Espírito Santo. In order to implement the research it will be required to list and describe the whole group of organizational values as well as their formation process; and, list and analyze cases related to the purpose of the study which allow some liaison with possible relations among values and creativity. The research acquired a mixed format, comprehending both a qualitative and a quantitative nature, once the necessity to verify particularities and perceptions of the element to be investigated made itself applicable. The stratified sample, which is proportional and representative to the population on a trust scale of 95%, and with a error proportion of 5%, was 320 servers. The Research was divided into seven phases. Starting with a simple Brainstorm, quantity research and content analysis. The quantitative results weren’t significant because they don’t explain the relation among the variables. Because of that, emphased qualitative research, witch interviews all the involved on Critical Incidents (Creativity or not). This results take to the conclusion that the environment of the University is typical bureaucratic, being unfavorable for creative process. Key-words: Organizational Environment; Creativity; Organizational Values, Individual Values; University; Bureaucracy.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2857
Appears in Collections:PPGADM - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_574_.pdf545.6 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.