Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3107
Title: Aspectos Psicossociais da Condição de Torcedor de Futebol
metadata.dc.creator: SOUSA, D. V. G.
Keywords: Psicologia do Esporte;Avaliação Psicológica;Torcedor de Fu
Issue Date: 19-Sep-2014
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SOUSA, D. V. G., Aspectos Psicossociais da Condição de Torcedor de Futebol
Abstract: Torcer por um time de futebol é prática conhecida em muitos países. No Brasil constitui fenômeno importante por seu impacto cultural, comercial, e por ser elemento de presença frequente nas relações interpessoais em diversos contextos. Além disso, o futebol, em seus vários aspectos, é assunto privilegiado nos meios de comunicação de massa. Curiosamente, são poucos os estudos disponíveis sobre torcedores e, em sua maior parte, referem-se ao fenômeno da violência por ocasião dos jogos, que está associado a grupos específicos de torcedores. O estudo buscou identificar aspectos que são reconhecidos por torcedores como influências para que tenham se tornado torcedores e para que continuem a agir como tal. Participaram 395 indivíduos, 266 homens (67,3%) e 129 mulheres (32,7%), com idade média de 28,4 anos (DP = 7,81), todos acima dos 18 anos. Predominaram participantes residentes na região sudeste do país (368 93,2%), em sua maior parte torcedores de times de Minas Gerais (Cruzeiro - 29,4% e Atlético - 26,6%). Foram coletados dados sociodemográficos, informações sobre o time preferido, e foi elaborado um instrumento para aferir aspectos reconhecidos pelos participantes como relevantes para a sua prática de torcedor de futebol. Do instrumento original constaram 72 itens a serem respondidos no padrão Likert de 5 pontos (1 Não me caracteriza; 5 Caracteriza-me totalmente) que contemplavam três categorias temáticas amplas: família, meios de comunicação, e outros contextos sociais. O instrumento e o questionário sociodemográfico foram disponibilizados em sítios da internet relacionados ao universo de torcedores de futebol. Os dados foram organizados e analisados usando-se o SPSS - versão 18.0. Foi feita análise fatorial do componentes principais para verificar adequação dos dados e o levantamento dos indicadores de validade fatorial da medida. O índice de precisão dos quatro fatores foi de 0,72, atestando a confiabilidade estatística da Condição de Torcedor de Futebol e a consistência interna da medida na versão com 33 itens. Os fatores Dimensão de Interação Indireta (DII), Dimensão de Interação Direta (DID), Dimensão Mídia Pró-Time (DMPro) e Dimensão Mídia Contra-Time (DMCon), que apresentaram valores de Alfa de Cronbach de, respectivamente, 0,79, 0,89, 0,71 e 0,85, todos considerados satisfatórios. A composição de cada fator e as diferenças entre eles são objeto de discussão, assim como as diferenças nas respostas de homens e mulheres. Os resultados mostram a validade e a sensibilidade da medida de composição da condição de torcedor de futebol desenvolvida.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3107
Appears in Collections:PPGP - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_6539_Dissertação Final.pdf868.91 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.