Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3341
Title: A Trajetória de uma Geração Política no Espírito Santo da Universidade ao Poder 1982 a 1992
metadata.dc.creator: MARTIN, M. D.
Issue Date: 28-Aug-2008
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MARTIN, M. D., A Trajetória de uma Geração Política no Espírito Santo da Universidade ao Poder 1982 a 1992
Abstract: A geração política formada no movimento estudantil universitário chega a prefeitura de Vitória por meio de um grupo que contribuiu na reabertura do DCE da Universidade Federal do Espírito Santo, no ano de 1979 e tem na figura do Governador Paulo Hartung sua principal liderança. A consolidação deste grupo, formado por homens e mulheres se deu na busca pela redemocratização política brasileira e, principalmente, capixaba, utilizando à via político-partidária como alicerce para a consolidação da democracia plena. O cenário político encontrado no final do Regime Militar, resultante da dissolução dos sistemas partidários, foi agravado pela decadência da política desenvolvimentista e apresentava uma baixa institucionalização do sistema partidário, que foi ainda mais fragilizado com o início da Nova República. Também contribuiu para o enfraquecimento partidário a expansão da televisão como poderosa força eleitoral, diminuindo a importância dos eventos político-partidários, levando o candidato a se apresentar diretamente a grande massa. No recorte temporal escolhido, fica claro como esta geração política participou ativamente de todos os momentos significantes da história política capixaba, em uma trajetória crescente, concorrendo nos pleitos eleitorais e participando de cargos de destaque na administração pública, desaguando na eleição de Hartung à prefeito de Vitória, em 1992. Por meio de depoimentos de atores que participaram dessa trajetória e de fontes como jornais e revistas da época a pesquisa foi norteada pela metodologia da História Oral. Dentre as muitas peças que participaram do processo político se destacam diferentes atores, cada qual com sua característica própria, como partes de uma engrenagem, que contribuíram para a consolidação do grupo, mantendo suas particularidades e funções na engenharia política de consolidação do grupo, que mais tarde, em 2002, se tornaria a principal força política do Espírito Santo, com a eleição de Paulo Hartung para Governador do Estado. A influência dos princípios do comunismo italiano, tendo como inspiração os textos de Antônio Gramsci que desenvolveu o conceito de guerra de posições, imprimiu no grupo o direcionamento de seus projetos, a busca pelo consenso, a formação de quadros e a criação de redes operativas que se deslocaram ao poder público. Palavras-chaves: Estudantes, Atividades políticas, Movimentos estudantis, Clubes políticos, História, Comitês partidários
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3341
Appears in Collections:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_3190_Margô_Devos_Martin_0.pdf5.45 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.