Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3613
Title: O Clima Urbano de Mossoró (RN): o Campo Térmico Atual.
metadata.dc.creator: SARAIVA, A. L. B. C.
Issue Date: 31-Mar-2014
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SARAIVA, A. L. B. C., O Clima Urbano de Mossoró (RN): o Campo Térmico Atual.
Abstract: Devido ao aumento populacional e ao crescimento das atividades econômicas, a área citadina do município de Mossoró (RN) vem vivenciando uma expansão desordenada da malha urbana que teve início a partir dos anos 1980. Atualmente a área urbana é de 11,58 km² onde residem 259.815 habitantes (IBGE, 2010) o que significa 90% da população do município. Diante desse contexto o presente trabalho tem como objetivo principal conhecer a dinâmica atual do campo térmico do município de Mossoró, cidade localizada no semiárido do Nordeste do Brasil, por meio da análise de dados simultâneos dos elementos climáticos: temperatura e umidade relativa do ar. Com base nos diferentes contextos ambientais e sociais do município, foram selecionados nove pontos, sendo sete na zona urbana e dois na zona rural, como locais de referência para a realização da análise dos diferentes comportamentos dos elementos climáticos. Os pontos de coleta na zona urbana e na zona rural buscaram representar diferentes usos e ocupações da terra desse município. A pesquisa foi realizada ao longo de 7 dias do mês de abril (período chuvoso), 7 dias entre os meses de julho (período onde são encontradas as menores temperaturas) e 7 dias entre os meses de outubro (período mais quente e seco) totalizando assim uma coleta de dados ao longo de 21 dias, não consecutivos, durante o ano de 2012. Para o trabalho de campo foi utilizada a metodologia elaborada por Mendonça (2003), baseado no Sistema Clima Urbano de Monteiro (1976) para o estudo do clima urbano de cidades de médio e pequeno porte. Foram realizadas coletas em pontos amostrais fixos durante 24 horas ao longo dos 21 dias. As ilhas de calor e as ilhas secas mais intensas encontradas em Mossoró foram identificadas no período matutino e vespertino, atingindo valores críticos de temperatura e umidade às 14h. Por meio da espacialização dos dados foi possível constatar que as áreas centrais e ás áreas destinadas à expansão urbana na porção oeste, apresentou as mais intensas ilhas de calor e ilhas secas. Palavras-chave: Clima urbano. Campo Térmico. Ilha de Calor. Ilha Seca Mossoró
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3613
Appears in Collections:PPGGEO - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_7595_analuiza.pdf11.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.