Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3704
Title: Tradução e Cognição: Interfaces
metadata.dc.creator: Dutra, Elaine Cristina Pereira
Keywords: Traducao;Processos cognitivos;Linguistica cognitiva;Protótipo;Translation;Cognitive processes;Cognitive linguistics;Prototype
Issue Date: 31-Mar-2009
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: A presente pesquisa procura elencar os estudos da tradução relacionando-os aos campos da psicologia, antropologia, biologia, linguística cognitiva e literatura. Nosso objetivo é o de demonstrar a relação que existe entre a teoria do protótipo e a tradução. Ao início, explicitamos as correntes teóricas que versam sobre aquisição e aprendizagem de primeira e segunda línguas, bilinguismo, formação do tradutor, tipos de tradução, competências linguísticas relacionadas à tradução. O texto aborda e relaciona os processos psicológicos cognitivos ao ato de traduzir: introspecção, percepção, abstração, memória, pensamento, conceptualização. Apresentamos os papéis do efeito prototípico e da equivalência tradutiva, relacionando-os e conceituando-os, concluindo que há níveis de equivalência mais ou menos aceitáveis (efeito de gradiência/ prototípico) segundo o julgamento do tradutor e que há traços invariáveis (protótipos) que são percebidos e perpetuados por leitores e tradutores. Para corroborar a hipótese, analisamos textos traduzidos, buscando o efeito e a presença do protótipo e concluímos que este é o de maior ocorrência, o que reflete a rede de construções conceituais que norteia os processos de pensamento e de memória do tradutor.
This research attempts to relate translation studies to psychology, anthropology, biology, cognitive linguistics and literature. Our objective is to demonstrate the relationship between the theory of prototype and translation. To do so, we discuss the current theoretical focus on the acquisition and learning of the first and second languages, bilingualism, the training of the translator, types of translation, and the linguistic competence related to translation. We also present the psychological cognitive processes in the act of translate: introspection, perception, abstraction, memory, thought, conceptualizing. We present the role of the prototype effect and of equivalence in translation, relating them and evaluating them, concluding that there are levels of equivalence more or less acceptable (gradient effect / prototypical) according to the judgment of the translator and that there are invariable lines (prototypes) that are perceived and perpetuated by readers and translators. So as to corroborate with the hypothesis, we analyze translated texts, seeking the effect and the presence of the prototype and we conclude that the basic level is of the highest occurrence, and reflects the net of constructions that guide the translator’s thought and memory.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3704
Appears in Collections:PPGEL - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_3445_Dissertaçao Elaine Cristina.pdf726.27 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.