Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3842
Title: Contribuição ao conhecimento sobre os Miobantia Giglio-Tos (Mantodea, Thespidae, Miopteryginae), com associação molecular de sexos dimórficos e estágios imaturos, e descrição de quatro espécies novas
metadata.dc.creator: ARAUJO, M. V. S.
Issue Date: 27-Feb-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: ARAUJO, M. V. S., Contribuição ao conhecimento sobre os Miobantia Giglio-Tos (Mantodea, Thespidae, Miopteryginae), com associação molecular de sexos dimórficos e estágios imaturos, e descrição de quatro espécies novas
Abstract: O gênero neotropical de louva-a-deus Miobantia Giglio-Tos inclui seis espécies com uma história taxonômica complexa. Embora freqüentemente encontradas na Mata Atlântica, pouco se sabe sobre elas e alguns obstáculos tornam difícil identificá-las, como o dimorfismo sexual elevado e o conhecimento de ambos os sexos para apenas uma das seis espécies. Este trabalho investiga os limites taxonômicos das espécies de Miobantia através de uma análise cladística, utilizando 99 caracteres morfológicos, além de seqüenciamento de 700 pb do gene mitocondrial COI para a associação de sexos dimórficos e ninfas. A variação intra-específica é também investigada a partir de um grande número de espécimes de M. fuscata (Giglio-Tos) para escolher características mais relevantes para a separação das espécies a serem utilizados nos comentários taxonómicos e nas chaves de identificação. O macho de M. aptera Giglio-Tos, e as fêmeas de M. ciliata (Stål) e M. fuscata são descritos pela primeira vez, e são fornecidas redescrições dos machos destas e da fêmea de M. aptera com base em numerosos dados complementares. Miobantia nebulosa (Giglio-Tos) é proposta como sinônimo júnior de M. rustica (Fabr.), com base na comparação entre seus tipos, incluindo a investigação de genitália masculina, e a espécie é redescrita. Adicionalmente, quatro novas espécies são aqui descritas: M. sp. nov. 1 sp. nov., M. sp. nov. 2 sp. nov., M. sp. nov. 3 sp. nov., e M. sp. nov. 4 sp. nov.; ambos os sexos são descritos, com exceção apenas para o macho de M. sp. nov. 2. Chaves de identificação são fornecidas para machos e fêmeas das espécies válidas, e figuras das características diagnósticas são fornecidas para todos eles. A distribuição das espécies é mapeada de acordo com dados da literatura e 50 novos registros.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3842
Appears in Collections:PPGBAN - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_6336_.pdf469.15 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.