Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3967
Title: Cooperação Tecnológica para Inovação no Setor da Construção Civil
metadata.dc.creator: CASTRO, L. O. C. O.
Keywords: Construção civil;Cooperação tecnológica;Inovação tecnológi
Issue Date: 9-Dec-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: CASTRO, L. O. C. O., Cooperação Tecnológica para Inovação no Setor da Construção Civil
Abstract: Atualmente, a construção civil contribui com 27% do PIB capixaba, gerando, atualmente 65 mil empregos formais, além de possuir um alto potencial de geração de emprego e de empreendedorismo. No entanto, é um setor de evolução tecnológica bastante lenta se comparada à indústria de transformação. O objetivo da pesquisa foi realizar uma análise das práticas de cooperação tecnológica no setor da construção civil no Estado do Espírito Santo no intuito de propor um conjunto de ações estratégicas que promovam a melhoria da competitividade do setor, por meio da introdução de ações de estímulo à inovação tecnológica. Para tanto, procedeu-se à avaliação de trinta empresas construtoras da região metropolitana de Vitória e do mesmo número de professores e pesquisadores da academia, gerentes de órgãos de fomento e gestores de empresas públicas, relacionados com o tema. A escolha da área da construção civil se deve tanto à sua relevância no desenvolvimento econômico do País quanto à sua contribuição para a população. A abordagem metodológica desenhada foi baseada em estudo de caso, revisão bibliográfica; aplicação de questionários e entrevistas e avaliação e tratamento estatístico dos dados levantados. Os resultados obtidos confirmaram o distanciamento entre academia e mercado e entre academia e setor público; a falta de integração entre agentes do setor da construção civil; a dificuldade de acesso ao conhecimento; o conservadorismo dos agentes do setor da construção civil; a visão de curto prazo das empresas do setor; as limitações da base legal de estímulo a C,T&I; as limitações na infraestrutura para C,T&I, nas áreas de laboratórios e recursos financeiros e limitações de C, T &I em termos de recursos humanos. Existe um conjunto de condicionantes fortes que ultrapassam o poder de decisão e de influência das empresas individualmente, dificultando e limitando a disseminação e a absorção dessas inovações, relacionadas a fatores de caráter sistêmico, internos às empresas, e estrutural. Para a superação dos entraves identificados, objetivando catalisar a cooperação para a inovação na construção civil, foram propostas algumas ações que, mesmo não sendo definitivas, deverão evoluir para possível definição no que tange à metodologia a ser adotada, ao levantamento de custos e a outras informações necessárias, com base em projetos cooperativos a serem discutidos com todos os interessados. Adicionalmente, foram sugeridas linhas de pesquisa para o desenvolvimento da cooperação de inovação, na construção civil.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3967
Appears in Collections:PPGEC - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_7301_Luiz Otavio da Cruz de Oliveira Castro.pdf2.12 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.