Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4032
Title: Estudo do Sinal Eletroencelografico (EEG) Aplicado a Interfaces Cerebro Conputador Computador com uma Abordagem de ...
metadata.dc.creator: Anderson Prado Azevedo
Issue Date: 6-Sep-2005
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: Anderson Prado Azevedo, Estudo do Sinal Eletroencelografico (EEG) Aplicado a Interfaces Cerebro Conputador Computador com uma Abordagem de ...
Abstract: A conjunção de técnicas de processamento de sinais, de reconhecimento de padrões e técnicas de captura de sinais cerebrais torna possível uma nova modalidade de comunicação, antes somente sonhada pela ficção: a Interface Cérebro-Computador (ICC). Tal sistema é capaz de adquirir o sinal cerebral e processá-lo com o intuito de extrair informações que podem ser usadas como um sinal de controle. A ICC pode beneficiar pessoas que sofrem de desordens neuromusculares, as quais provocam a perda da capacidade de movimento voluntário. Tais pessoas poderiam se comunicar, ou até mesmo se mover, usando uma ICC para o controle de equipamentos. Avaliando em um horizonte mais longínquo, estes sistemas poderão ser usados nas mais diversas aplicações, principalmente para fins multimídia. O objetivo desta dissertação é estudar as características do sinal eletroencefalográfico, assim como técnicas de processamento de sinais e de reconhecimento de padrões para uso em uma interface cérebro computador (ICC). Para tanto, será utilizado um banco de dados internacional, a fim de que a eficácia da técnica empregada possa ser avaliada com mais propriedade, comparando-se os resultados alcançados com aqueles obtidos por outros grupos de pesquisa internacionais. Destarte, esta dissertação descreve as características do cérebro humano e do sinal EEG relevantes para o estudo das ICCs, apresenta também as principais características das ICCs existentes e implementa um sistema de reconhecimento de padrões capaz de discriminar a lateralidade da imaginação motora com uma taxa de acerto de superior a 85%, o que no atual estado da arte é um taxa de acertos satisfatória.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4032
Appears in Collections:PPGEE - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_2344_DissertacaoMestradoAndersonPradoAzevedo.pdf5.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.