Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4262
Title: Um Ambiente de Experimentação para Redes 6LoWPAN e um Módulo de Autenticação baseado em Chave Simétrica
metadata.dc.creator: VITALI, M. M.
Keywords: Redes de Sensores;TinyOS;Segurança da Informação;TinyAuth
Issue Date: 31-Aug-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: VITALI, M. M., Um Ambiente de Experimentação para Redes 6LoWPAN e um Módulo de Autenticação baseado em Chave Simétrica
Abstract: Assim como as redes de computadores convencionais, as Redes de Sensores Sem Fio (RSSF) estão sujeito aos mais diversos ataques, como negação de serviço, falsificação de endereços, comprometimento de nós, e outros ataques específicos para redes de sensores. Num cenário de emprego das RSSF em Cidades Inteligentes, a preocupação com a segurança toma uma dimensão ainda maior, considerando que dados críticos passarão a circular a todo o instante pela infra-estrutura de comunicação provida pelas redes. Neste sentido, a realização de pesquisas em segurança em RSSF se reveste de grande importância, e abre espaço para o desenvolvimento de trabalhos voltados para a criação de novos algoritmos, protocolos, ferramentas e ambientes específicos de Redes de Sensores sem Fio que contribuam para o aumento da segurança da rede. Este trabalho propõe um ambiente de experimentação para RSSF que permite simular redes mistas, interagir com as mesmas e avaliá-las no que diz respeito ao consumo de energia, topologia estabelecida, pacotes enviados/recebidos, etc. O ambiente desenvolvido é capaz de simular redes 6LoWPAN, sendo possível acessar os nós sensores através de seus respectivos endereços IPv6. A abordagem proposta permite que aplicações possam, remotamente, através da Internet, comunicar-se com a rede 6LoPAN, abstraindo-se do fato do ambiente ser completamente simulado. Como prova de conceito, foi simulada uma rede 6LoWPAN e, como método de avaliação de ataques, foi implementado um nó sybil, que foi injetado na topologia da rede, sendo posteriormente avaliada a organização topológica da rede com e sem o nó sybil em execução. Uma característica interessante da arquitetura proposta é que ela possibilita o teste remoto de aplicações; assim, uma máquina com maior capacidade de processamento pode ficar encarregada de gerar e simular a rede de sensores, enquanto as aplicações que coletam e tratam os dados são localizadas em outra máquina com menor capacidade de processamento. Como contribuição adicional o trabalho propõe uma metologia de associação à rede que baseada em chaves pré-compartilhadas. Essa metodologia visa mitigar ataques onde nós maléficos assumem diversas identidades na rede a fim de prejudicar a visão topológica da mesma. Além disto, é apresentado um mecanismo de proteção da chave pré-compartilhada através do processo de armazenamento somente em memória volátil, o que dificulta a descoberta da chave no caso do comprometimento de um nó, ou possibilita a destruição da chave junto com a morte do sensor ao término de sua energia.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4262
Appears in Collections:PPGI - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_5953_.pdf1.59 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.