Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4758
Title: Produção de Filme Espesso Supercondutor SmBa2Cu3O7-t Usando Plasma Spray.
metadata.dc.creator: PIUMBINI, CLEITON KENUP
Keywords: Magnetismo;matéria condensada
Issue Date: 29-Feb-2008
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: PIUMBINI, C. K., Produção de Filme Espesso Supercondutor SmBa2Cu3O7-t Usando Plasma Spray.
Abstract: Desde a descoberta dos supercondutores de alta temperatura crítica em 1986, por Muller e Bednorz, a utilização destes materiais, de maneira prática, vem sendo um desafio para os pesquisadores da área. Uma das tentativas de aplicação prática desses supercondutores é produzir filmes finos e espessos para a transmissão de corrente elétrica. Na literatura é possível encontrar inúmeros trabalhos utilizando o YBCO como precursor. A idéia de substituir o ítrio pelo samário foi devido a sua maior capacidade de transportar corrente. Neste trabalho serão apresentados resultados obtidos da produção de filme espessos produzidos a partir do precursor SmBa2Cu3O7-. Após produzir e caracterizar a amostra supercondutora de SmBa2Cu3O7-, a mesma foi moída e peneirada para ser depositada. Para produzir os filmes foi utilizada uma tocha de plasma de arco não transferido, com corrente contínua e nitrogênio como gás de trabalho, dedicada ao processo de deposição por spray. Para o processo deposição os substratos de aço inox foram jateados com areia, montados em um suporte com aquecedores internos e posteriormente aquecidos pelo jato de plasma até a temperatura de 900°C. Em seguida foi realizada a deposição. A caracterização dos filmes foi feita por análise de difração de raios-X, Microscopia Eletrônica de Varredura e Resistividade Elétrica. Observou-se que a influência da distância entre a tocha e o substrato é fundamental para obtenção de filmes de boa qualidade. Os filmes mais próximos à tocha apresentaram pouca aderência ao substrato ou foram decompostos pelo calor excessivo. Os filmes mais afastados apresentaram a fase supercondutora e após a oxigenação permaneceram aderidos ao substrato. Foi possível observa por meio de MEV que houve ligação entre os splats, o que é essencial para a condução de corrente nos filmes. Em geral foi possível produzir filmes supercondutores espessos de SmBa2Cu3O7-utilizando a técnica de plasma spray.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4758
Appears in Collections:PPGFIS - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_2942_.pdf4.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.