Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4862
Title: Miniestaquia na propagação da jabuticabeira (Plinia sp.)
metadata.dc.creator: Cabanez, Patricia Alvarez
Keywords: Miniestaquia;Propagação vegetativa;Enraizamento de estacas;Jabuticaba
Issue Date: 20-Feb-2015
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: A propagação sexuada continua sendo o principal método empregado na produção de mudas para a jabuticabeira (Plinia spp.), o que resulta no longo período de juvenilidade apresentado pelas plantas obtidas, com início de produção podendo ocorrer em até 14 anos. Para essas espécies ainda não foram estabelecidos métodos eficientes de propagação assexuada que permitam a produção em larga escala para formação de pomares comerciais com entrada em produção em poucos anos após o plantio. Assim, objetivou-se com este trabalho avaliar o comportamento de miniestacas semilenhosas e herbáceas de jabuticabeira tratadas com AIB, em relação à indução e formação de raízes adventícias. Foi utilizado o delineamento experimental inteiramente casualizado (DIC) para os dois experimentos com quatro repetições e sete miniestacas por parcela para os dois experimentos. Para o experimento 1 utilizou-se o esquema fatorial 2 x 2, sendo dois tipos de folhas nas miniestacas (par de folhas com limbo intacto e par de folhas com limbo reduzido à metade) e duas concentrações do AIB (0 e 1000 mg L-1). Para o experimento 2 utilizou-se o esquema fatorial 2 x 5, sendo dois tempos de imersão das miniestacas no AIB (30 e 60 segundos) e cinco concentrações do AIB (0; 50; 100; 200 e 400 mg L-1). As características avaliadas foram a porcentagem de miniestacas vivas, com calos, enraizadas, com folhas, número de raízes e comprimento da maior raiz. No experimento 2 também foi avaliado a porcentagem de miniestacas com brotação e comprimento médio da brotação. Os dados foram submetidos à análise de variância e análise de regressão para o tratamento quantitativo, ao nível de 5% de probabilidade, utilizando-se do software R. A escolha da equação de regressão baseou-se na significância dos coeficientes e no maior valor do coeficiente de determinação (R2). Conclui-se que a permanência do limbo foliar intacto nas miniestacas é essencial para o enraizamento e maior formação de calos; a aplicação de AIB é desnecessária para enraizamento de miniestacas herbáceas de jabuticabeira; e o emprego de miniestacas herbáceas obtidas de cepas se mostra viável para a multiplicação comercial de jabuticabeira.
The sexual propagation remains the main method used in the production of seedlings for jabuticaba tree (Plinia spp.) Which results in long juvenility presented by plants obtained with early production may occur in up to 14 years. For these species have not yet been established efficient methods of asexual propagation to enable the large-scale production for formation of citrus groves with entry into production in a few years after planting. Thus, the aim of this work was to evaluate the behavior of softwood and herbaceous cuttings of jabuticaba tree treated with IBA, for induction and formation of adventitious roots. It was used a completely randomized experimental design (CRD) for the two experiments with four replicates and seven cuttings per plot for the two experiments. For the experiment 1 used the factorial 2 x 2, two types of leaves on cuttings (leaf pair with intact limb and pair of leaves with reduced blade in half) and two IBA concentrations (0 and 1000 mg L 1). For experiment 2 used the factorial 2 x 5, two immersion times of the shoots in IBA (30 and 60 seconds) and five concentrations of IBA (0, 50, 100, 200 and 400 mg L-1). The characteristics evaluated were the percentage of live cuttings, calluses, rooted with leaves, root number and length of roots. In experiment 2 was also evaluated the percentage of cuttings with budding and average length of sprouting. Data were subjected to analysis of variance and regression analysis for the quantitative treatment, at 5% probability, using the software R. The choice of regression equation was based on the significance of the coefficients and the higher value of coefficient of determination (R2). It is concluded that the permanence of the intact leaf blade in cuttings is essential for rooting and higher callus formation; the AIB application is unnecessary for rooting herbaceous cuttings jabuticaba tree; and the use of herbaceous cuttings obtained from strains shown feasible for commercial multiplication jabuticaba tree.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4862
Appears in Collections:PPGPV - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_8500_Patricia Alvarez Cabanez.pdf930.97 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.