Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5028
Title: Qualidade da madeira de árvores de clone de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla inclinadas por ação de ventos para produção de celulose
metadata.dc.creator: Boschetti, Walter Torezani Neto
Keywords: Ventos;Propriedades da madeira;Madeira de reação;Celulose – polpa
Issue Date: 26-Feb-2014
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: Objetivou-se com este estudo a avaliação da qualidade da madeira de árvores inclinadas de clone de Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla proveniente de plantios florestais afetados por ação de ventos para produção de celulose. Para tanto, avaliou-se os efeitos da inclinação do fuste em diferentes faixas, e foram estudadas as características da madeira de reação, tracionada e oposta, na região superior e inferior a inclinação, respectivamente. A produtividade do povoamento foi avaliada por meio dos parâmetros dendrométricas das árvores. A qualidade da madeira foi analisada pelas características anatômicas de fibras e vasos, densidade e composição química. O desempenho na polpação kraft foi analisado com base no rendimento depurado e número kappa. Os parâmetros dendrométricos, anatômicos, a densidade básica e a composição química da madeira foram influenciados pela inclinação do tronco. Os resultados indicaram que a inclinação afetou negativamente as variáveis dendrométricas, o volume de madeira das árvores inclinadas foi reduzido; a relação cerne:alburno das árvores não foi afetado pelas diferentes faixas de inclinação analisadas; houve maior excentricidade da medula nas árvores com maior inclinação de fuste. Anatomicamente, o diâmetro vascular foi maior na madeira normal comparado com a madeira de reação, tracionada e oposta; a frequência vascular pouco foi afetada pelas faixas de inclinação; as fibras da madeira de reação das árvores inclinadas, tracionada e oposta, aumentaram em espessura de parede, largura e diâmetro do lume. A densidade da madeira das árvores inclinadas foi inferior à madeira de árvores com o fuste reto, além disto, nas árvores inclinadas, a densidade básica foi menor na madeira oposta quando comparada à madeira tracionada. A composição química da madeira foi diferente entre árvores com o tronco reto e inclinado, na madeira de reação, tracionada e oposta, foram encontrados menores teores de extrativos e lignina que na madeira viii normal, outro fator relevante foi o maior teor de holocelulose produzido pela madeira de reação. Na polpação Kraft foi observado na madeira de reação menor rendimento e menor número kappa. Por fim, considerando as propriedades tecnológicas da madeira e a avaliação kraft, percebeu que a densidade básica e a anatomia da madeira de reação das árvores inclinadas contribuiu para diminuir no rendimento depurado da polpa, e a composição química da madeira das árvores inclinadas contribuiu para obter polpas com maior teor de deslignificação.
This study aimed to evaluate the wood quality of trees inclined of clone Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla from forest plantations affected by the action of winds for pulp production. For this purpose, was evaluated the effects of inclination, and studied the characteristics of the reaction wood, tension wood and opposite wood, the upper wood and the lower inclination, respectively. The productivity was evaluated by the parameters dendrometric trees. The quality of the wood was analyzed by means of anatomical parameters of fiber and vessels, basic density and chemical composition. The kraft pulping performance was analyzed based on screened yield and kappa number. The dendrometric parameters, anatomical parameters, the basic density and chemical composition of wood were influenced by the inclination of the trunk. The results showed that negatively affect the tilt dendrometric variables, reducing the amount of timber; the heart:sapwood ratio of trees was not affected; there was a greater eccentricity of the pith in trees with greater inclination stem. Anatomically, the vascular diameter was larger compared with normal wood in the reaction wood, tension and opposite; vascular frequency was little affected by the inclination ranges; the fibers of wood reaction by the tree inclined, tension and opposite wood, increased wall thickness, width and lumen diameter. The density of the wood of inclined trees was less to wood from trees with the straight stem, furthermore, the inclined trees, basic density was lower in the opposite wood compared to tension wood. The chemical composition was different between straight trees and leaning trees, the reaction wood, tension and opposite, content of lower extractives and lignin than normal wood, another important factor is the higher holocellulose content found in the reaction wood was found. In kraft pulp was observed the reaction wood lower yield pulp and lower kappa number. Finally, considering the technological properties of wood and kraft evaluation, realized that the basic density and wood anatomy reaction of leaning trees helped reduce the x screened yield pulp, and chemical composition of wood of leaning trees contributed to obtain pulps with higher content of delignification.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5028
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_7383_DISSERTAÇÃO_MESTRADO_WALTER_T_N_BOSCHETTI.pdf3.48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.