Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5063
Title: Efeitos da temperatura e adesivos na qualidade de painéis aglomerados produzidos com resíduos de madeira de eucalipto
metadata.dc.creator: Tinti, Vinicius Peixoto
Keywords: Compensados de madeira;Madeira - Produtos;Taninos
Issue Date: 29-Jun-2015
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: O objetivo da pesquisa foi avaliar a utilização de resíduo de serraria na produção de painéis aglomerados com adição de adesivos químicos comerciais modificados com tanino de Acacia mearnsii De Willd. O resíduo de madeira de eucalipto foi obtido em uma serraria existente na região do Caparaó, sul do Espírito Santo. Utilizou-se serragem proveniente de destopadeira, que foram analisadas quimicamente, quanto ao pH, capacidade tampão, extrativos e cinzas. A serragem foi seca ao ar até teor de umidade aproximado de 15%, e posteriormente peneirada, e foram utilizadas as partículas que transpassaram na malha de 4,0mm e ficaram retidas na de 2,0mm. As partículas foram secas em estufa a 103 ± 2°C até a umidade pré-estabelecida de 5%, e utilizadas para produção dos painéis com dimensões de 42,5 x 42,5 x 1,25 cm e densidade nominal de 700 kg m-3. Foram determinadas nos adesivos comerciais puros (ureia e fenol formaldeído) e nas combinações destes com 10 e 20% de tanino diluído (solução tânica a 50% tanino: água destilada), o teor de sólidos, pH e viscosidade. O delineamento estatístico utilizado foi o inteiramente casualizado no esquema fatorial (7x2), sendo a temperatura em dois níveis e o adesivo em 7 níveis, e realizada a análise de variância para todos os ensaios, à exceção para a densitometria de raios X. Com os painéis aglomerados produzidos procedeu-se a avaliação das propriedades físicas e mecânicas, a biodeterioração por fungos e térmitas (cupim de madeira seca), e o perfil de densidade pela densitometria de raios X. A densidade aparente do painel ficou abaixo da nominal pré-estabelecida, fato explicado pela presença de casca nas partículas. Para o ensaio de inchamento em espessura após 2 horas, apenas quatro dos 14 adesivos ficaram abaixo do exigido pela Norma Comercial Americana 236-66, porém para o ensaio de inchamento em espessura após 24 horas, sete adesivos não atingiram o estabelecido pela norma. Para o módulo de ruptura (MOR) cinco adesivos não atingiram o regulamentado pela Norma Americana ANSI A208.1, e para módulo de elasticidade (MOE) apenas 3 adesivos apresentaram resultados satisfatórios de acordo com a mesma norma. A ligação interna obteve resultados dentro da Norma Americana ANSI A208.1. No arrancamento de parafuso na superfície apenas o adesivo tanino fenol formaldeído 80:20 (120°C) obteve valor abaixo da Norma Americana ANSI A208.1. Na deterioração causada pelo fungo Postia placenta os adesivos com 100% tanino formaldeído (120 e 140°C) tiveram a maior perda de massa e para o fungo Trametes versicolor a perda de massa foi alta (acima de 20%) para a maioria dos adesivos, exceto para fenol formaldeído (100%) e tanino fenol formaldeído (90:10). A avaliação do perfil de densidade aparente pelo ao longo da espessura pelo método de densitometria de raios X, mostrou alguma equivalência entre os painéis, o que indicou certa homogeneidade pela proximidade entre as linhas do gráfico.
The objective of the research was to evaluate the use of sawmill residue in the production of particleboard with adding commercial chemical adhesives modified tannin of Acacia mearnsii De Willd. Eucalyptus wood waste was obtained in an existing sawmill in Caparaó region, south of the Espírito Santo state. It was used sawdust from lumber trimmer, which were chemically analyzed for pH, buffer capacity, extractives and ash. The sawdust was dried in air until a moisture content of approximately 15%, and then sieved and the particles which were used in the pierced mesh were 4.0mm and 2.0mm retained on. The particles were dried in an oven at 103 ± 2°C until the preset humidity of 5% and used for the production of panels with dimensions of 42.5 x 42.5 x 1.25 cm and a nominal density of 700 kg m-3 . Were determined in pure commercial adhesives (phenol formaldehyde and urea), and combinations thereof with 10 to 20% of dilute tannin (tannin solution of 50% - tannin: distilled water), solids content, pH and viscosity. The statistical design was completely randomized in a factorial arrangement (7x2), and the temperature on two levels and the adhesive on 7 levels, and carried out the analysis of variance for all tests, except for the X-ray densitometry. With the produced particleboards proceeded to assess the physical and mechanical properties, biodeterioration by fungi and termites (dry-wood termites), and the density profile by X-ray densitometry. The bulk density of the panel was below the nominal predetermined, a fact explained by the presence of bark on the particles. For thickness swell test after 2 hours, only four of the adhesive 14 were below the standard required by the commercial American 236- 6 but for the thickness swell test after 24 hours, seven adhesives have not reached the set by the standard. For the modulus of rupture (MOR) have not reached five adhesive regulated by the American Standard ANSI A208.1, and modulus of elasticity (MOE) only 3 adhesives showed satisfactory results according to the same standard. The internal connection obtained results within the American Standard ANSI A208.1. In screw pullout on the surface only the tannin phenol formaldehyde adhesive 80:20 (120°C) obtained value below the American Standard ANSI A208.1. In the deterioration caused by the fungus Postia placenta adhesives with 100% tannin formaldehyde (120 and 140°C) had the greatest loss of mass and the fungus Trametes versicolor mass loss was high (above 20%) for most adhesives except for phenol formaldehyde (100%) phenol and tannin formaldehyde (90:10). The evaluation of density profile with the technique of the X-ray densitometry showed homogeneity between the panels, observed by proximity of the lines of profiles.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5063
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_8919_DISSERTAÇÃO_Versão_Final_Vinicius Tinti.pdf2.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.