Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5080
Title: ELETROACUPUNTURA em Coelhos Submetidos à Hipovolemia Aguda: Avaliação Eletrocardiográfica, Cardiovascular e Microscópica dos Sistemas Nervoso Central e Renal.
metadata.dc.creator: SALGADO, A. E. P.
Keywords: choque;colóide;acupuntura;animal
Issue Date: 9-Sep-2010
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SALGADO, A. E. P., ELETROACUPUNTURA em Coelhos Submetidos à Hipovolemia Aguda: Avaliação Eletrocardiográfica, Cardiovascular e Microscópica dos Sistemas Nervoso Central e Renal.
Abstract: Foram avaliados os efeitos da eletroacupuntura no acuponto Pc6 (Neiguan) e solução salina hipertônica a 7,5% sobre os parâmetros eletrocardiográficos, cardiovasculares e microscópicos do SNC e rins de coelhos anestesiados pelo isofluorano e submetidos à hipovolemia aguda. Para tal, utilizaram-se 24 animais distribuídos igualmente em quatro grupos (GH, GE, GS, e GC). Após estabilização do plano anestésico, foi induzida a hipovolemia nos animais com a finalidade de simular hemorragia aguda, retirando-se sangue da artéria carótida até que a pressão arterial média atingisse 35 mmHg. Decorridos 30 minutos do estabelecimento da hipovolemia, os animais do GH receberam 4,0 mL/Kg, na velocidade de infusão de 1,0 mL/Kg/min, de solução salina hipertônica a 7,5%; os do GE, acupuntura no acuponto Pc6, na frequência de 20 Hz em corrente quadrada; os do GS, acupuntura em pontos Sham e os do GC não receberam nenhum tratamento. Foram estudadas as variáveis: temperatura corporal; f; FC e traçado eletrocardiográfico; PAM; PVC; PVP e lactato sérico. O registro das variáveis, exceto para o lactato sérico, iniciou-se antes da hipovolemia e após a estabilização anestésica dos animais (Mbasal), imediatamente após a retirada do sangue (M0), 3 minutos após a coleta de sangue (M3), 30 minutos da retirada do sangue e antes do início dos tratamentos (M30) e a cada 10 minutos até completar sessenta minutos da indução da hipovolemia (M40, M50 e M60). O lactato sérico foi avaliado nos momentos M0, M3 e M30. Após o término do registro das variáveis, foi realizada eutanásia nos animais para coleta do SNC e rins e posterior avaliação em microscopia de luz. Para a avaliação do SNC e rins foi realizado contagem de neurônios em degeneração no cérebro (lobo frontal e hipocampo) e neurônios piriformes do cerebelo (células de Purkinje); e quantidade de eritrócios nos glomérulos e na região medular entre os túbulos coletores dos rins. A avaliação estatística foi realizada por meio de Análise de Perfil (P<0,05) e Kolmogorov-Smirnov (P<0,05). Não houve diferença significativa entre os grupos e entre momentos das variáveis estudadas. Entretanto, foram observadas alterações eletrocardiográficas e cardiovasculares entre os momentos M40, M50 e M60 em relação ao Mbasal, observando aumento das variáveis PAM, PVC e lactato sérico, e respostas compensatórias nas variáveis do eletrocardiograma. Não se observou no SNC diferença significativa entre os grupos em nenhuma região do cérebro estudada. Com relação à microscopia renal, também não houve diferença significativa entre os grupos em relação à quantidade dos eritrócitos entre os glomérulos e túbulos renais. Contudo, no GE notou-se maior quantidade de eritrócitos. Assim, pode-se concluir que a eletroestimulação do acuponto Pc6 e a solução hipertônica a 7,5% não promovem alterações sobre parâmetros eletrocardiográficos e cardiovasculares, e que a eletroacupuntura melhora a perfusão sanguínea renal de coelhos anestesiados com isofluorano e submetidos à hemorragia aguda.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5080
Appears in Collections:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_3349_.pdf6.02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.