Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5122
Title: Análise do potencial genotóxico e mutagênico de lodo de esgoto em Allium cepa
metadata.dc.creator: Martins, Maria Nilza Corrêa
Keywords: Mutagenicidade;Allium cepa;tratamento de esgoto;Cebola;Metais pesados;Lodo residual;Toxicidade - Testes de toxicidade;Genotoxicidade
Issue Date: 26-Feb-2015
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Abstract: O lodo de esgoto pode conter elevados níveis de compostos inorgânicos e orgânicos com propriedades tóxicas, genotóxicas e mutagênicas. Sua utilização em solos agrícolas pode ser estudada pelo comportamento (pelo desenvolvimento e crescimento) relacionando aos efeitos tóxicos desse resíduo em diferentes espécies vegetais. Em uma revisão foi possível obter dados dos efeitos da transferência de contaminantes presentes em solos suplementados com lodo de esgoto para as plantas e das plantas via cadeia alimentar. O organismo teste Allium cepa apresenta resposta positiva para analisar esses efeitos, o qual se objetivou estudar a toxicidade genética do lodo de esgoto em Allium cepa. O experimento foi conduzido no Laboratório de Morfologia do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Espírito Santo (CCA-UFES), no município de Alegre, utilizando-se sementes de Allium cepa tratadas com lodos provenientes da ETE JM e da ETE M. Os lodos foram analisados quanto às características físico-químicas e biológicas, de acordo com a resolução CONAMA 375/2006. Para a análise de toxicidade nas sementes de Allium cepa, foram avaliadas 5.000 células por tratamento de contato direto e solubilizados das amostras e controles. O lodo bruto apresentou resultados físico-químicos dentro dos limites estabelecidos pela resolução CONAMA 375/2006. Somente na análise microbiológica o lodo da ETE JM apresentou limite de coliformes termotolerantes acima do estabelecido pela resolução. Para o teste de potencial de toxicidade o lodo da ETE JM foi fitotóxico para o lodo de esgoto bruto, citotóxica e genotóxica para o lodo de esgoto solubilizado. O lodo bruto da ETE M apresentou potencial genotóxico e mutagênico, enquanto o lodo solubilizado foi citotóxico. O lodo de esgoto com adição de cal apresentou potencial fitotóxico para o lodo bruto, e para o lodo solubilizado apresentou efeito citotóxico e genotóxico. Os resultados foram expressos como média ± desvio padrão. A análise estatística foi realizada por meio do teste não-paramétrico de Kruskal-Wallis (p<0.05). Conclui-se que ambos os lodos apresentam potencialidade tóxica, servindo de alerta para a sua utilização em solos agrícolas, que deverá ser monitorada com análises citogenéticas e controle dos elementos tóxicos presentes em sua composição.
The sewage sludge can contain high levels of inorganic and organic compounds with toxic, genotoxic and mutagenic properties. Its use in agricultural soils can be studied by the behaviour (or by the development and growth) of the different plant species relating to the toxic effects of this residue in different plant species. In a review it was possible to obtain data from the effects of the transfer of contaminants in soils supplemented with sewage sludge for plants and plants via the food chain. An organism test Allium cepa shows a positive response to this analysis of toxicity, that aimed to study the genetic toxicity of sewage sludge in Allium cepa. The experiment was conducted in the Laboratory of Morphology of the Center for Agricultural Sciences at the Federal University of Espírito Santo (CCA-UFES), in the municipality of Alegre, using seeds of Allium cepa treated with sludge from the ETE Jerônimo Monteiro and ETE Mulembá. The sludge were analysed with regard to physico-chemical and biological properties, according to the resolution CONAMA 375/2006. For the analysis of toxicity on the seeds of Allium cepa, 5.000 cells per treatment were evaluated by direct contact and trapped the samples and controls. The gross sludge presented physico-chemical results within the limits established by CONAMA resolution 375/2006. Only in the microbiological analysis the sludge of ETE of Jerônimo Monteiro presented fecal coliforms above the limit established by the resolution. For potential toxicity testing the sludge of ETE Jerônimo Monteiro was phytotoxic to raw sewage sludge, cytotoxic and genotoxic for sewage sludge solubilization. The gross sludge of ETE Mulembá presented genotoxic and mutagenic potential, while the sludge solubilized was cytotoxic. The sewage sludge with addition of lime presented potential phytotoxic to raw sludge, and for the sludge solubilized showed genotoxic and cytotoxic effect. The results were expressed as mean ± standard deviation. Statistical analysis was performed using the nonparametric test of Kruskal-Wallis (p < 0.05). It is concluded that both sludge have toxic potential, serving warning to their use in agricultural soils, which should be monitored with cytogenetic analyses and control of toxic elements present in its composition.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5122
Appears in Collections:PPGGM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_8354_Dissertação Final Maria Nilza Corrêa Martins.pdf1.21 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.