Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5219
Title: Análise da diversidade e efeito de borda na assembleia de borboletas frugívoras da reserva Biologica de Sooretama
metadata.dc.creator: NOGUEIRA, T. A.
Keywords: ;Ninfalídeo;2;Conservação da natureza;3;Mata Atlântica;
Issue Date: 29-Feb-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: NOGUEIRA, T. A., Análise da diversidade e efeito de borda na assembleia de borboletas frugívoras da reserva Biologica de Sooretama
Abstract: Considerada um dos 34 hot spots de biodiversidade do planeta, a Mata Atlântica encontra-se em grande parte ameaçada principalmente devido os processos de fragmentação florestal. Sendo os efeitos de borda uma das conseqüências da fragmentação que mais afetam o remanescente florestal e sua biota. Dentro desse contexto o presente estudo teve como objetivo inventariar as espécies de borboletas frugívoras que ocorrem na Reserva Biológica de Sooretama ES, e verificar como as espécies se distribuem em termos de riqueza, abundancia, diversidade e similaridade ao longo de um gradiente ambiental formado a partir da borda em direção o interior do fragmento, testando a hipótese de que os efeitos de borda tem influencia nessa distribuição. As amostragens foram realizadas na Reserva Biológica de Sooretama, que fica entre os municípios de Linhares, Sooretama e Jaguaré, região norte do estado do Espírito Santo, nos meses de abril, jullho e agosto de 2011. Foram utilizadas armadilhas modelo Van Someren-Rydon, contendo uma mistura de caldo de cana com banana, fermentados 48 horas antes de serem utilizados como isca. Em cada período de amostragem as armadilhas permaneceram abertas por quatro dias consecutivos, e os exemplares capturados foram coletados e acondicionados adequadamente para posterior montagem e identificação. Foram coletados 199 exemplares distribuídos em 32 espécies pertencentes a seis subfamílias de Nymphalidae. A curva de acumulação de espécies não estabilizou e o estimador de riqueza Bootstrap demonstrou que a fauna de borboletas frugívoras não foi totalmente amostrada. Verificou-se através de uma Análise de Aderência por meio do Teste G, que a abundancia e a riqueza ao longo do gradiente estabelecido não era uniforme entre os pontos de amostragem, sendo demonstrado através dos índices de similaridade maior semelhança entre os pontos de amostragem mais próximos entre si. Através da Análise de Correspondência Detrended (DCA), ficou demonstrado dois agrupamentos distintos entre os pontos de amostragem, sendo esses agrupamentos denominados BORDA e INTERIOR, evidenciando uma composição de espécies mais semelhante dentro de cada agrupamento. O que pode indicar que os efeitos de borda afetam a distribuição das espécies dentro da assembléia de borboletas frugívoras, tendo sido verificado pelo presente estudo, maior riqueza, abundância e diversidade de espécies a partir de 1000m até 2500 m.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5219
Appears in Collections:PPGBT - Dissertações de Mestrado



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.