Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5678
Title: Mortalidade neonatal evitável, Espírito Santo, Brasil, 2007 a 2009
metadata.dc.creator: Silva, Laura Pedroza da
Keywords: Mortalidade Neonatal;Mortalidade Infantil;Causas de Morte;Sistemas de Informação;Gestão da Qualidade;Estudos Epidemiológicos;Neonatal Mortality;Infant Mortality;Cause of Death;Health Information Systems;Quality Management;Epidemiologic Studies
Issue Date: 19-Dec-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SILVA, Laura Pedroza da. Mortalidade neonatal evitável, Espírito Santo, Brasil, 2007 a 2009. 2012. 82 f. Dissertação (Mestrado em Política, Administração e Avaliação em Saúde) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2012.
Abstract: Introduction: The investigation of avoidable neonatal deaths can be understood as a sensitive indicator of the quality of health care for newborns babies. Objective: Evaluate the quality of the information and investigate avoidable neonatal deaths according to birth weight in Espírito Santo state in the period from 2007 to 2009 using banks of Mortality Information System and System of Information on Live Births. Methodology: Descriptive observational study, the population was live births and neonatal deaths. The quality of data was evaluated in three dimensions: accessibility, timeliness and completeness. Used downward trend avoidable death by intervention of Brazilian Health System, and weight cutting point ≤ 1500g. Results: The data was accessible and presented three-year lag in relation to the beginning of the study. The SIM had high percentage of missing data presented on the number of DN, mother s age and schooling, and reproductive history. The avoidable deaths were 63%; the mean preventable cause was attention to newborn 37%. The deaths with weight 1501g to 2499g had avoidable causes by attention to newborn (42%) and women in pregnancy (41%); and deaths with weight ≥ 2500g had preventable by attention to the woman in childbirth (47%). Conclusions: Despite the weaknesses found in the Mortality information system, the use of secondary data made it possible to understand the scenario of neonatal deaths in the State of Espírito Santo
Introdução: A investigação dos óbitos neonatais por causas evitáveis pode ser compreendida como um indicador sensível da qualidade da assistência à saúde de recém-nascidos. Objetivo: Avaliar a qualidade das informações e investigar os óbitos neonatais evitáveis segundo peso ao nascer, no estado do Espírito Santo, no período de 2007 a 2009, utilizando os bancos de dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade e do Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos. Metodologia: Estudo observacional descritivo; população estudada composta por nascidos vivos e óbitos neonatais. A qualidade dos dados foi avaliada em três dimensões: acessibilidade, oportunidade e completude. Utilizou-se critério de evitabilidade por intervenção do Sistema Único de Saúde e ponto de corte no peso em ≤ 1500g. Resultados: Os dados foram acessíveis e apresentaram defasagem de três anos em relação ao início do estudo. O Sistema de Informação sobre Mortalidade apresentou elevado percentual de dados faltantes nas variáveis, número da Declaração de Nascido Vivo, assim como escolaridade, idade e história reprodutiva da mãe. Os óbitos evitáveis responderam por 63% dos quais os associados a causas reduzíveis por atenção ao recém-nascido somaram 37%. Entre os óbitos com peso 1501g a 2499g destacaram-se os associados a causas evitáveis por atenção ao recém (42%) e a mulher na gestação (41%); e entre os óbitos com peso ≥ 2500g as causas evitáveis por atenção à mulher no parto (47%). Conclusões: Apesar das deficiências encontradas no Sistema de informação sobre Mortalidade, a utilização de dados secundários possibilitou compreender o cenário dos óbitos neonatais no Espírito Santo
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5678
Appears in Collections:PPGASC - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Laura Pedroza da Silva.pdf1.56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.