Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5712
Title: Saúde do Trabalhador da Saúde: com a palavra a Secretaria Municipal de Saúde
metadata.dc.creator: Brotto, Tullio Cezar de Aguiar
Keywords: Setor de assistência à saúde;Saúde do trabalhador;Gestão de pessoal em saúde;Health care sector;Worker s health;Health personnel management
Issue Date: 28-Feb-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: BROTTO, Tullio Cezar de Aguiar. Saúde do Trabalhador da Saúde: com a palavra a Secretaria Municipal de Saúde. 2012. 161 f. Dissertação (Mestrado em Política, Administração e Avaliação em Saúde) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2012.
Abstract: O trabalho tem sido afirmado como lugar de significações desejantes, fonte de auto-valoração, de auto-percepção e produção de sujeitos. Podendo ser encarado portanto, como palco de expressões subjetivas e lutas políticas. Desse modo, a relação que se constrói entre o trabalhador e seu fazer suplanta a mera execução de tarefas coordenadas visando um produto, influindo de maneira contundente na saúde deste trabalhador, tendo a organização do processo de trabalho papel fundamental neste processo. Todavia, o que a literatura científica afirma no setor saúde é a presença ainda marcante de modelos de gestão do trabalho focados na produção e que tratam os trabalhadores como recursos que devem ser preservados a fim de que tal produção se mantenha. Modelos inspirados na produção fabril. Não obstante, a literatura aponta também para o adoecimento expressivo de trabalhadores do setor saúde. Por esta razão, políticas e diretrizes têm sido formuladas nos cenários nacional e internacional voltadas a este público-alvo, a ponto da Organização Mundial de Saúde (OMS) eleger o período de 2006 a 2016 como a década da valorização do trabalho e dos trabalhadores de saúde. Assim, a pesquisa investigou qual a compreensão que a Secretaria Municipal de Saúde de Vitória (SEMUS) tem sobre a saúde do trabalhador do setor saúde. Buscou com isto compreender qual a concepção deste órgão governamental a respeito das causas do adoecimento dos trabalhadores de saúde e as propostas de seu enfrentamento. Utilizou-se a metodologia da Análise Temática de Conteúdo (ATC) para analisar relatórios de gestão e a metodologia do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC) para analisar as entrevistas. Foram entrevistadas 10 (dez) gestoras envolvidas com a discussão da temática de Saúde do Trabalhador de Saúde (STS). Observou-se que a SEMUS não tem consenso sobre o tema, todavia sugere haver um alto índice de adoecimento dos trabalhadores de saúde. Quanto as causas deste adoecimento houve uma preponderância de respostas que o atribuíram a características dos trabalhadores. A Secretaria afirmou ainda não haver política específica voltada à diminuição deste processo de adoecimento, apesar de haverem políticas indiretas como a de contratos efetivos e a de melhorias nas condições infra-estruturais de trabalho. Entretanto, afirmou que neste mesmo período os índices de adoecimentos e a insatisfação com o trabalho aumentaram. Uma das causas parece ser a diminuição da co-gestão. Assim, concluiu-se que estratégias que busquem a diminuição do processo de adoecimento dos trabalhadores de saúde não devem preterir a co-gestão do trabalho, pois estarão ratificando modelos de gestão hegemônicos que expropriam a autonomia dos trabalhadores, reduzindo possibilidades de gerir seu trabalho e obter prazer com isso
Working has been asserted as a place of desirable meaningness, source of self-evaluation, self-perception and subjects production. It can be seen therefore, as a stage for subjective expressions and political conflicts. Thus, the relationship built between the worker and his duties supersedes the mere execution of coordinated tasks aiming at a product, decisively influencing on this workers health, having the organization of the work process an essential role in this process. However, what the scientific literature states to the health sector is the presence still remarkable of work management patterns focused on the production process and treats the workers as resources to be preserved in order to sustain such production. Manufacturing inspired patterns. Nevertheless, the literature also points to the significant sickening of health sector workers. For this reason, policies and guidelines have been conceived in both national and international levels aiming at this group, which led the World Health Organization (WHO) to elect the period of 2006-2016 as the decade of the work and health workers appreciation. Thus, this essay investigated Vitória s Municipal Health Department s understanding of the health care workers health. Intended to understand what this government agency conception of the causes of the sickening amongst health workers was and their coping proposals. We used the Thematic Content Analysis methodology (TCA) to analyze management reports and the Collective Subject Discourse methodology (CSD) to analyze the interviews. We interviewed 10 (ten) managers involved in the discussion of the Health Workers Health (HWH) issue. It was observed that this is not a consensus to the Department, however, it suggests a high rate of sickening among health workers. As for the causes of this sickening process there was a preponderance of workers characteristics attributed responses. The Department also claimed not to have a specific policy aiming at the decrease of this sickening process, although there are indirect policies such as the effective contracts and the improvement of infrastructural work conditions. However, asserted the increase of illnesses and work dissatisfaction rates in this same period. One of the causes seems to be the decreased of co-management. It was concluded that strategies seeking the decrease of the sickening process of health workers should not underestimate the co-management, once they will be confirming hegemonic management patterns that expropriate workers autonomy, reducing their chances of managing their work and obtaining pleasure from it
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5712
Appears in Collections:PPGASC - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tullio Cezar de Aguiar Brotto.pdf1.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.