Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5792
Title: Imagens aerofotogramétricas e orbitais na determinação do uso ecupação da terra e de áreas de preservação permanente
Other Titles: Images aerophotogrametric and orbital in determining the use and occupancy of land and Permanent Preservation Areas (PPAs)
metadata.dc.creator: Peluzio, Telma Machado Oliveira
Keywords: Preservação ambiental;Fotointerpretação;Sistemas de informações geográficas;Sensoriamento remoto;Sustentabilidade;Environmental Conservation;Remote sensing;Geographic information systems;Remote sensing;Sustainability
Issue Date: 17-Sep-2010
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: PELUZIO, Telma Machado Oliveira. Images aerophotogrametric and orbital in determining the use and occupancy of land and Permanent Preservation Areas (PPAs). 2010. 101 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, 2010.
Abstract: Com esta pesquisa avaliou-se o resultado de diferentes metodologias na determinação do uso e ocupação da terra e áreas de preservação permanente utilizando aerofotos digitais, com resolução espacial de 1m (cenário 01) e imagens de satélite, com resolução espacial de 0,5m (cenário 02), fotointerpretadas em tela, na escala cartográfica de 1:2.000, da bacia hidrográfica do córrego Horizonte, Alegre-ES. Foram avaliadas as áreas de preservação permanente ao longo dos cursos d água, entorno de nascentes, terrenos com declividade igual ou superior a 45 graus e terço superior de topo de morros para os cenários 01 e 02. As áreas que deveriam ser destinadas as áreas de preservação permanentes no cenário 01 e 02 totalizam 5,97km² e 5,87km², respectivamente, diferindo apenas nas APPs em torno de nascentes (0,13km² e 0,10km²) e, APPs ao longo dos cursos d água (1,87km² e 1,79km²), não havendo diferença para as APPs de declividade igual ou superior a 45 graus (0,04 km²) e APPs de terço superior de topo de morro (3,94km²). Utilizouse os índices de desempenho global e índice Kappa para determinação do erro médio entre os cenários e teste t a 5% de probabilidade para avaliar o grau de significância no processo de fotointerpretação entre os cenários 01 e 02. Das 27 classes de uso da terra identificadas, a pastagem e fragmento florestal ocupam 45,54% e 24,26% no cenário 01 e, 33,50% e 19,54% no cenário 02, respectivamente. Do total de áreas de preservação permanentes determinadas no cenário 01, apenas 33,92% das APPs ocupam essa função, enquanto no cenário 02, esse percentual é de 35,92%. A diferença na fotointerpretação dos cenários em estudo deve-se às bandas vermelho, verde e azul (cenário 01) e vermelho, verde, azul e infravermelho próximo (cenário 02). Verifica-se uma variação positiva do desempenho global em 6,67% do cenário 01 em relação ao cenário 02, e variação positiva do índice Kappa em 2,09%, do cenário 02 em relação ao cenário 01, não apresentando significância pelo teste t no processo de fotointerpretação entre a aerofoto e a imagem de satélite
With this study we evaluated the result of different methodologies in determining the use and occupancy of land and permanent preservation areas using digital aerial photographs with spatial resolution of 1m (scenario 01) and satellite imagery with a spatial resolution of 0.5 m ( scenario 02), photointerpreted screen, on a scale of 1:2000 mapping, watershed stream Horizonte, Alegre-ES. We avalueted the permanent preservation araes along watercourses, around springs, land with slopes greater than 45 degrees and upper third of the top of hills for scenarios 01 and 02. Areas that should be destined to permanent preservation areas in the scene 01 and 02 totaling 5.97 km ² and 5.87 km ², respectively, differing only in APPs around springs (0.13 km ² 0.10 km ²) and over the APPs watercourses (1.87 km ² 1.79 km ²), with no difference for APPs slope less than 45 degrees (0.04 km ²) APP and the upper third of the hilltop (3.94 km ²). We used the global performance indices and Kappa index for determining the average error between scenarios 01 and 02. Of the 27 classes of land use identified, grassland and forest fragmentation occupy 45.54% and 24.26% in stage 01, and 33.50% and 19.54% in stage 02, respectively. Of the total of permanent preservation areas in certain stage 01, only 33.92% of APPs occupy that role, while in scenario 02, that percentage is 35.92%. The difference in photo-interpretation of the scenarios under study is due to the bands red, green and blue (scenario 01) and red, green, blue and near infrared (scenario 02). There is a positive change in the overall performance of the scenario 01 6.67% compared to 2002 scenario, and positive change in the kappa index 2.09%, the scenario in 2002 compared to 2001 scenario, showing no significance by statistical analysis at 5% level by t test.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5792
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao de Telma Machado de Oliveira Peluzio.pdf3.85 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.