Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5809
Title: Métodos de regulação florestal no planejamento da produção de madeira
Other Titles: Methods of forest regulation in the planning of wood production
metadata.dc.creator: Piassi, Ludmila de Castro
Keywords: Regulação florestal;Método do controle por área;Otimização;Forest regulation;Method of control per area;Optimization
Issue Date: 4-Oct-2011
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: PIASSI, Ludmila de Castro. Methods of forest regulation in the planning of wood production. 2011. 103 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) - Universidade Federal do Espírito Santo, Jerônimo Monteiro, 2011.
Abstract: Este trabalho teve como objetivos: empregar o método de regulação da produção pelo controle por área com intuito de mensurar a capacidade de produção anual da floresta manejada; e testar a influência de métodos de regulação florestal no planejamento da produção de madeira. Esse problema foi proposto com o cuidado de que o mesmo apresentasse características semelhantes aos encontrados habitualmente nas empresas florestais. Para caracterização da área de estudo foram escolhidos, arbitrariamente, três capacidades produtivas (os índices de sítio I, II e III), plantios do híbrido Eucalyptus urograndis, idades dos plantios variando de 0 a 7 anos e 109 talhões. As variáveis coletadas foram as inerentes ao processo de produção, como preços de insumos, mão-de-obra e de madeira para celulose. Com base nesses dados, foi obtida a rotação econômica para cada capacidade produtiva utilizando o Benefício Periódico Equivalente como critério de avaliação econômica. Os modelos de otimização foram formulados pelo Modelo I, empregando-se o software SAD Florestal, que permitiu gerar as prescrições de manejo, bem como construir o modelo de otimização proposto. Ao final, avaliou-se cinco métodos de regulação: Método do controle por área, Método do controle por área considerando rotações menores, Modelo de programação linear, Modelo de programação linear inteira e modelo de programação linear inteira mista. O método de controle por área foi eficiente na orientação da determinação dos limites da restrição de imposição de produções anuais dos modelos de otimização. O método de controle por área apresentou a maior oscilação tanto na produção quanto na área de corte anual. Os métodos de otimização foram os que apresentaram menor coeficiente de variação para a produção anual de madeira. O maior lucro foi obtido pelo método de controle por área considerando rotações menores, devendo ser visto com ressalvas na medida em que a madeira obtida com quatro anos pode não ter o mesmo valor para aquela obtida com maior idade. O modelo de programação linear apresentou maior retorno líquido do que o método de programação linear inteira, sendo que este fato pode estar relacionado a restrição de regulação. No modelo de programação linear inteira mista as subdivisões nas áreas de corte dos talhões que permitiram essa opção, mostraram-se desproporcionais
This study aimed to: employ the method of production regulationusing controlper area with the purpose of measuring the annual production capacity of the managed forest; and test the influenceof forest regulation methodsin the planning of wood production.This problem was proposed in a way that it exhibits characteristics similar to those normally found in forestry companies.To characterize the study area,three productive capacities were chosen arbitrarily (siterates I, II and III), plantationsof the Eucalyptusurograndis hybrid, plantation agesvarying from 0 to 7 years and 109 plots.The variables collected were the ones inherent to the productionprocess, such as prices of input, manpower and wood for cellulose. Based on these data, it was obtained the economic rotation for each productive capacity using the Equivalent Periodic Benefit as a criterion for economic evaluation. The optimization models were formulated by Model I, using the SAD Forest software, which allowed generating management prescriptions, as well as creating the optimization model proposed. In the end, five regulatory methodswere evaluated: Method of control per area, Method of control perareaconsidering smaller rotations,Model of linear programming, Modelof integer linear programming and Model of mixed integer linear programming.The method of controlper area was effective in the orientation of determining the restriction limits of imposition of annual productions of the optimization models. The method ofcontrol per area showed the greatest fluctuation in the production and in the annual cutarea.The optimization methods presented the lowest coefficient of variation for the annual wood production. The higher profit was obtained by the method of control per area considering smaller rotations, and it should be viewed with caution, as the obtainedfour years old wood may not have the same value of the one obtained with higher age.The linear programming model had a higher net return than the integer linear programming method, and this fact may be related to regulation restrictions. In the model of mixed integer linear programming, the subdivisions in cutting areas of the plots that allowed this option were disproportionate
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5809
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ludmila de Castro Piassi.pdf1.58 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.