Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5858
Title: Atividade secretória e histologia uterina de cadelas pré-púberes com ablação parcial do desenvolvimento das glândulas endometriais
Other Titles: Secretory activity and uterine histology of bitches prepubertal ablation with partial development endometrial glands
metadata.dc.creator: Martins, Bianca Barcelos
Keywords: Acetato de medroxiprogesterona;Produção de muco;Cadelas;Medroxiprogesterone acetate;Mucus production;Bitch
Issue Date: 26-Aug-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MARTINS, Bianca Barcelos. Secretory activity and uterine histology of bitches prepubertal ablation with partial development endometrial glands. 2013. 52 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, 2013.
Abstract: The use of steroids with actions in the female reproductive system may affect the development and differentiation of the uterus, which can lead to abnormal development of endometrial glands, with decreased reproductive efficiency and even sterility. Thus, this methodology could be applied in the population control of dogs. However, in cases of partial inhibition of the development of the glands is not known effects of steroids on the functionality formed glands, as well as the possible occurrence of endometrial fibrosis. This study aimed to evaluate the secretory activity of the endometrial glands of prepubertal bitches undergoing a protocol for partial ablation of endometrial glands development. We used sixteen female mongrel bitches from different litters, distributed in the MPA group (n = 8), females that received injections of medroxyprogesterone acetate (10mg/kg/SC), every 3 weeks, from day 1 after birth until the age of six months, and C (n = 8), control females, untreated, which received applications of 0.9% NaCl solution. At 6 months of age, ovariohysterectomy was performed in all animals, and samples of uterine horns were collected and fixed for histology and histochemistry. To evaluate the intensity of uterine secretion (grades 1-4), the stains of periodic acid Schiff (PAS) and Alcian Blue (AB) pH 2.5 were used. For histological analysis we used Masson s trichrome and toluidine blue staining. Statistical analysis was performed by Kruskal-Wallis test, using the R software, with significance level of 5%. No dog in both groups exhibited cystic endometrial hyperplasia (HCE) and presence of content in the uterine lumen. For PAS only the grades 1 (absent) and 2 (mild) were observed in both groups, without difference between groups. However, the MPA showed greater intensity of uterine secretion (grade 2) in comparison to the C group (p <0.05). With respect to AB pH 2.5, in both groups we also found only the grades 1 (absent) and 2 (mild), without statistical difference between groups. There was no Masson s trichrome staining in the periglandular region in both groups. There was greater amount of mast cells present in the region of the myometrium in relation to the endometrium in both groups. It is concluded that prepubertal bitches with partial ablation of uterine adenogenesis present minimal uterine secretory activity, absence of uterine periglandular fibrosis and presence of larger amount of mast cells in the myometrium in relation to the endometrium
O uso de esteróides com ações no sistema reprodutor feminino pode afetar o desenvolvimento e diferenciação uterina, podendo levar a alteração no desenvolvimento das glândulas endometriais, com diminuição da eficiência reprodutiva e até mesmo esterilidade. Desta forma, esta metodologia poderia ser aplicada no controle populacional de cães. Entretanto, nos casos de inibição parcial do desenvolvimento das glândulas, não se conhece os efeitos dos esteróides sobre a funcionalidade das glândulas formadas, bem como a possível ocorrência de fibrose endometrial. Objetivou-se avaliar a atividade secretória das glândulas endometriais de cadelas pré-púberes submetidas a protocolo de ablação parcial da adenogênese uterina. Foram utilizadas dezesseis fêmeas, sem raça definida, de ninhadas diferentes, distribuídas nos grupos MPA (n = 8), fêmeas que receberam aplicações de acetato de medroxiprogesterona (10mg/kg/SC), a cada 3 semanas, desde o dia 1 após nascimento até a idade de 6 meses, e C (n = 8), fêmeas controle, não tratadas, que receberam aplicações de solução de NaCl 0,9%, de maneira similar as tratadas. Aos 6 meses de idade, foi realizada ovariohisterectomia em todos os animais, e amostras dos cornos uterinos foram coletadas e fixadas para exame histológico e de histoquímica. Para avaliar a intensidade de secreção (graus 1-4), foram utilizadas as colorações de Periodic Acid Schiff (PAS) e Alcian Blue (AB) pH 2,5. Para a avaliação histológica foram utilizadas as colorações de Tricrômico de Masson e Azul de Toluidina. A análise estatística foi realizada pelo teste Kruskal-Wallis, pelo software R, com nível de significância de 5%. Nenhuma cadela, em ambos os grupos, apresentou hiperplasia cística endometrial (HCE) e presença de conteúdo no interior do lúmen uterino. Para coloração de PAS apenas marcações graus 1 (ausente) e 2 (discreta) foram observadas em ambos os grupos, sem diferença na intensidade de secreção uterina entre grupos com relação aos graus encontrados. Entretanto, o grupo MPA apresentou maior intensidade de secreção uterina (grau 2) em relação ao grupo C (p<0,05). Com relação ao AB pH 2,5, em ambos os grupos também foram encontradas apenas marcações de graus 1 (ausente) e 2 (discreta), sem diferença estatística entre grupos com relação a intensidade de secreção uterina. Não foram observadas marcações para a coloração de Tricrômico de Masson na região periglandular, em ambos os grupos. Foi observada maior quantidade de mastócitos presentes no útero na região do miométrio em relação ao endométrio, em ambos os grupos. Conclui-se que cadelas pré-púberes com ablação parcial da adenogênese uterina apresentam mínima atividade secretória uterina, ausência de fibrose periglandular e maior presença de mastócitos no miométrio em relação ao endométrio
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5858
Appears in Collections:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bianca Barcelos Martins.pdf1.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.