Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5862
Title: Perfil metabólico energético em dois grupos genéticos de Vacas holandês x Gir de segunda ordem de parição, em dois períodos da lactação, na época da seca, nos trópicos
metadata.dc.creator: Penna Júnior, César Otaviano
Keywords: Perfil energético;Componentes hematobioquímicos;Beta-hidroxibutirato;Colesterol;Aspartato transaminase;Vacas leiteiras;Energy profile;Hematobiochemical components;Beta-hydroxybutyrate;Cholesterol;Aspartate transaminase;Dairy cows
Issue Date: 30-Aug-2010
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: PENNA JÚNIOR, César Otaviano. Perfil metabólico energético em dois grupos genéticos de Vacas holandês x Gir de segunda ordem de parição, em dois períodos da lactação, na época da seca, nos trópicos. 2010. 64 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, 2010.
Abstract: The cross-breeding derived from specialized milk producing European breeds with zebu breeds that are adapted to tropical conditions form the basis of the majority of Brazil s milk producing systems. However, researches regarding the metabolic profile (MP) for bovine dairy cows focus on pure breeds coming mostly from temperate to subtropical regions. Therefore, the behaviour of the hematobiochemical components indicators on the energy metabolism in second calving rate order ½ and ¾ Holstein x Gir (HG) dairy cows, in two stages of lactation, became the object of the evaluation, as well as to determine its relationship with body condition (BCS) and milk production during the dry season in tropical environment. The experiment was conducted at Santa Luzia Farm, located in Minas Gerais - Brazil. This study used data collected in the months of May and August 2009 from 37 ½ HG cows and 35 ¾ HG cows. By our definition studies were focused on two lactation periods, the first being from 28 to 60 days (P1 lactation) and the second from 110 to130 days (P2 of lactation). The cows received complete feed in the trough. The biochemical indicators of the metabolic energy profile were analyzed through the beta-hydroxybutyrate (βHB), cholesterol and the enzyme Aspartate transaminase (AST) quantifications. The metabolite average values, with their standard errors, analyzed by Student test, were established for both blood degrees, in their respective lactation periods. Given the scarcity of information on reference values for the genetic group investigated in this study, reference values were methodically sought from studies using larger number of variables equal to the present study. There were statistical differences between the periods for βHB, milk production and BCS, whereas the other parameters did not differ for cows ½ and ¾ HG. There were statistical differences between the periods in βHB, milk production and BCS, whereas the other parameters did not differ for ½ and ¾ HG cows. Between blood degrees, the statistical differences occurred within each period concerning the βHB and milk production parameters and no other differences occurred in relation to the remaining parameters. Having obtained the results and taking the conditions to which the animals were exposed in this study into consideration, we have concluded that the genetic groups were effective in sustaining their respective levels of milk production without experiencing complications of metabolic order. We suggest such studies to be continuated as to equate Reference Values
Os cruzamentos derivados de raças européias especializadas para produção de leite com raças zebuínas adaptadas às condições tropicais formam a base da maioria dos sistemas de produção de leite no Brasil. Porém, verifica-se que os estudos a respeito de perfil metabólico (PM) para vacas bovinas leiteiras se concentram em raças puras, em sua grande maioria em regiões de clima temperado ou subtropical. Assim, com a revisão objetivou-se destacar a importância do uso do Perfil Metabólico energético na avaliação do desempenho produtivo de vacas leiteiras, seja no quesito nutricional, seja nas questões relacionadas ao diagnóstico e prevenção de transtornos de ordem metabólica nutricional e com a pesquisa aferir os valores e avaliar o comportamento dos marcadores bioquímicos energéticos entre dois períodos da lactação e entre diferentes graus genéticos de vacas HG de 2ª OP, no período da seca, em região tropical. O experimento foi realizado na Fazenda Santa Luzia, localizada no Estado de Minas Gerais Brasil. Foram utilizados dados coletados nos meses de maio e agosto de 2009, provenientes de 37 vacas ½ HG e 35 vacas ¾ HG. Definiu-se concentrar os estudos em dois períodos da lactação, sendo o primeiro de 28 a 60 dias (P1 da lactação) e o segundo de 110 a 130 dias (P2 da lactação). As vacas receberam ração total. Foram analisados os indicadores bioquímicos do perfil metabólico energético por meio da quantificação do Beta-hidroxibutirato (βHB), do colesterol e da enzima Aspartato transaminase (AST). Os valores médios dos metabólitos, com seus erros-padrão, analisados pelo teste t de Student, foram estabelecidos para ambos os graus de sangue, nos respectivos períodos da lactação. Dada a escassez de informações sobre valores referenciais para o grupo genético investigado nesse estudo, metodologicamente buscaram-se valores referenciais de estudos que utilizaram o maior número de variáveis iguais ao do presente trabalho. Ocorreram diferenças estatísticas (p<0,05) entre períodos para βHB, produção de leite e ECC, enquanto que os demais parâmetros não apresentaram diferenças (p>0,05) para vacas ½ e ¾ HG. Entre graus de sangue, as diferenças estatísticas (p<0,05) ocorreram dentro de cada período para os parâmetros βHB e produção de leite, não tendo ocorrido diferenças (p>0,05) para os demais parâmetros. Aferidos os valores, conclui-se que para as condições a que foram submetidos os animais no presente estudo, os grupos genéticos foram eficientes para sustentarem seus respectivos níveis de produção de leite, sem apresentarem complicações de ordem metabólica. Sugere-se a continuidade de estudos dessa natureza para equacionar Valores de Referência
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5862
Appears in Collections:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cesar Otaviano Penna Junior.pdf494.12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.